Artigos
Publicada em 04/08/2016 - 23h19min

Andréia Gonçalves

Modismos

De tempos em tempos, aparecem novas modinhas de que o mundo todo quer fazer parte, como se o mundo fosse acabar se não nos adequarmos a elas.
A mais recente é o Pokemon Go. Se você não sabe o que é isso, pergunte para o zumbi mais próximo que estiver parado, olhando fixamente para um celular. Com certeza, ele estará jogando a nova febre.
Trazendo isso para os trilhos fico imaginando como vai ser no horário de pico. Imagino em plena Estação da Luz, os pokeusuários se digladiando mais ainda para caçar aquele bendito bonequinho dentro dos vagões.
Vão ter que mudar os áudios das estações para: "Ao avistar um Pikachu, não corra. A pressa pode assustar o bonequinho virtual". Vai ter usuário pulando na via achando que os ratos que existem nos trilhos são "Pokemon-rato". Por vezes, acho que a tecnologia que tanto nos ajuda também aliena e muito, mas, enfim, vamos ver até onde isso irá.
Outro fato recente e que tem a ver com caçadas também, mas de uma maneira muito mais fofinha, é o caça ao amor nos trilhos. Aconteceu no Metrô e agora na Linha 11 da CPTM.
Usuários simplesmente se apaixonam loucamente em instantes por outra pessoa dentro dos vagões, tiram uma foto, juntam com declarações estonteantes nas redes sociais e torcem para que esse PokeAmor dê certo.
No caso do usuário do Metrô, a moça já era casada e ele teve que esquecer a paixão avassaladora. Já no outro caso, o cupido foi certeiro e o casal agora está namorando, felizes com esse encontro tão inusitado.
Em tempos de Olimpíada, só precisam tomar cuidado para a paixão não ser por alguém que more no outro lado do mundo, já que os trilhos estarão com várias pessoas transitando para lá e para cá, e aí a flechada pode não dar tão certo, frustrando essa nova investida de paquera.
De qualquer maneira, as novidades estão aí para quem quiser usar, só precisamos tomar cuidado para não nos machucarmos fisicamente ou não. Os trilhos já são deveras tumultuados e no primeiro caso citado, fico extremamente receosa com o que pode acontecer na muvuca nossa de cada dia, em busca do nosso PokeTrem.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos