Cidades
Publicada em 12/09/2017 - 22h38min

Luana Nogueira
Em sessão

IPTU complementar gera confusão

Foto: Marcelo Alvarenga/CMMC

Pastor Evaristo disse que projeto receberá emendas
A Câmara recebe hoje os secretários de Finanças, Aurílio Caiado, e Planejamento, Claudio Rodrigues, para discutir o projeto de lei que prevê a regularização de edificações e atualização do Cadastro Técnico Imobiliário. Durante o encontro, a atualização do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de áreas construídas e não regularizadas também deve ser discutido. A reunião será às 10 horas na sala Sérgio Nogueira.
O vereador Mauro Araújo (PMDB) afirmou que muitos mogianos estão com dúvidas em relação à cobrança complementar de IPTU. "Tenho um amigo que recebeu uma cobrança pelo terreno vizinho. Ele foi para a Prefeitura regularizar a situação e teve que pagar uma taxa por isso. Esta situação é completamente contra a razoabilidade. Acho que a Prefeitura deveria se preparar melhor. Ter um local para atender as pessoas e fazer um treinamento especial com os funcionários", disse.
Em relação ao projeto de lei de regularização dos imóveis, o peemedebista lembrou que uma das questões é anistia para construções irregulares. "A anistia não saiu, pois a Câmara não votou, temos que tirar todas as dúvidas para ter segurança", destacou.
O presidente da Câmara, Carlos Evaristo da Silva (PSD) ressaltou que durante a reunião, os dois assuntos serão esmiuçados. "Se for necessário vamos marcar uma nova reunião. O projeto receberá emendas", acrescentou. (L.N.)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos