Cidades
Publicada em 13/09/2017 - 20h52min

Cibelli Marthos
Cobrança

Estevam Galvão e Condemat criticam falta de comunicação

Funcionamento do Hospital das Clínicas em Suzano é o principal foco dos questionamentos das autoridades

O deputado estadual Estevam Galvão (DEM) está cobrando do governo do Estado e da direção do Hospital das Clínicas (HC) a entrega do novo Hospital Estadual em Suzano. Ele afirmou estar bastante chateado com a situação, já que é um dos responsáveis pela vinda do serviço para a cidade, após anos de muito trabalho e cobrança, e até o momento sequer foi informado sobre o plano de trabalho da unidade para o município.
Atualmente, após quase quatro anos de obra, o hospital anexo, com capacidade para 120 leitos, está recebendo apenas os pacientes já internados no prédio antigo do HC, que passará por reforma. "Essa situação já estava prevista desde o início, por isso não há nada de novo. O que nos preocupa é saber o plano de trabalho de serviços do hospital para a região. Na última reunião que tivemos na própria unidade eu até subi a voz pela falta de informação sobre a abertura dos leitos, dos exames e da obra do prédio antigo também", declarou Estevam.
Ele afirmou ainda que questionará quantos leitos estão sendo utilizados no momento. "Pela informação que recebi estariam sendo usadas 60 vagas, sendo assim, acredito que as outras poderiam ser liberadas assim que possível". O parlamentar completou dizendo que se reunirá na próxima terça-feira, dia 19, com representantes do HC e da Secretaria de Estado da Saúde para sanar todas as dúvidas sobre o assunto.
O Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) também cobrará do governo do Estado sobre o hospital, solicitando a abertura imediata de 20 leitos para a região no prédio novo do Hospital das Clínicas de Suzano.
De acordo com o secretário de Saúde de Mogi e responsável pela Câmara Técnica de Saúde do Condemat, Marcello Cusatis, está faltando comunicação e decisão por parte do governo estadual. "Nós tínhamos a informação de que o prédio novo abrigaria pacientes do antigo, mas foi dito também que seriam abertas vagas novas para a região. Nós precisamos saber quais serão esses serviços regionais e a partir de quando eles serão disponibilizados", detalhou.
Marginal do Una
Ainda sobre as pendências do governo do Estado com a região, o deputado também comentou sobre a promessa do governador Geraldo Alckmin (PSDB) de concluir a avenida Mario Covas Junior, a Marginal do Una. A obra até o momento não se concretizou e acabou sendo suspensa, já que o prefeito Rodrigo Ashiuchi (PR) aceitou fazer um financiamento para finalizar somente parte da via.
"O governador assumiu publicamente, por mais de uma vez na nossa região, o compromisso de terminar a Marginal do Una, inclusive chegou a fazer o projeto executivo da obra e abriu a licitação, mas com essa proposta do prefeito de Suzano, o financiamento tirou do colo do governador a responsabilidade e o compromisso firmado anteriormente", conclui Estevam.
  • Autoridades cobram informações sobre o plano de trabalho da unidade em Suzano para atendimento da região
  • Estevam Galvão tem reunião agendada
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos