Polícia
Publicada em 10/10/2017 - 00h00min

Fábio Miranda
ROubo a banco

Polícia Civil de Mogi localiza quadrilha

Ação foi coordenada pelos agentes do 3º Distrito de César de Souza; o bando também é suspeito de assaltar uma agência em Biritiba Mirim

Ação realizada na madrugada de ontem, articulada pelo 3º Distrito Policial de César de Souza, conseguiu recuperar R$ 109 mil que haviam sido roubados durante assaltos a bancos. A quadrilha que teria subtraído essa quantia, formada por 11 pessoas, foi a mesma que tentou roubar o Banco do Brasil de Biritiba Mirim, em 25 agosto.
Os agentes que participaram da ação se encontraram em frente à Delegacia Seccional de Mogi, onde também estiveram policiais civis de São Paulo e do ABC Paulista. No total, 80 pessoas estiveram envolvidas. Os trabalhos tiveram início às 3 horas da manhã e somente terminou por volta das 8 horas.
Em conversa com a reportagem, o delegado Alexandre Batalha explicou como a operação para localizar os suspeitos foi realizada. "Essa investigação foi assumida por nós e, em 30 dias, nós conseguimos concluir a identificação de 11 pessoas envolvidas. E também conseguimos apreender R$ 109 mil e prender nove pessoas. Dois suspeitos estão foragidos".
Batalha ainda destacou que os criminosos utilizaram fuzis para assaltar o banco em Biritiba e metralhadoras para realizar um assalto semelhante em Mauá, também na Grande São Paulo. Apesar da quantidade de presos, detidos por força de mandado judicial, o delegado destacou que nenhum dos indivíduos apresentou resistência. "Não houve qualquer resistência por parte dos suspeitos. Toda a ação que realizamos ocorreu na capital". Finalizou Batalha, que também se mostrou surpreso com a quantidade de dinheiro encontrada.
A polícia civil agora irá investigar qual é a origem da quantia apreendida ontem. Na ocasião do roubo em Biritiba Mirim, os bandidos haviam levado apenas as armas dos vigias. Todos os presos foram levados para o 3º DP de César e depois foram para a Delegacia de Biritiba.
Compartilhe

Video

Mais vistos