Opinião
Publicada em 06/12/2017 - 22h11min

Paulo Passos

Os mesmos

Eles continuam por aí! Após terem influenciado negativamente a história brasileira, propiciando a primeira das grandes crises ensejadas pela corrupção; após terem expostas suas faltas de caracteres e, serem despidos, momentaneamente, de suas vaidades; após condenações e pagamentos de penas nos cárceres; continuam a influenciar a política nacional!
Esquecimento rápido, comum ao nacional que se preza, à liberdade, os pretensos líderes partidários - ou, "donos das agremiações" - foram recebidos com tapetes vermelhos e contemplados, novamente, com os cetros de todo-poderosos. E, rotineiro em tempos de agora, aos facínoras oficiais curvam-se os pretensos presidentes de quaisquer das instituições políticas da nação.
Na caça de votos para as mazelas que propõem - manutenção do poder, benesses às casas bancárias, espúria mudança trabalhista, etc. -, bajulam-se explicitamente os celerados de sempre.Nesta semana, indo além, o condenado Roberto Jefferson, mais uma vez escarneceu da insípida democracia que vivemos. O despudorado, que chegou a apelar para doença terminal - e, ao que parece se encontra em pleno vigor físico - para evitar a tranca, apresenta cartilha de deméritos para os que pensem em se recandidatar pelo partido que controla - PTB.
Manietando os futuros pretendentes acena com decréscimos na divisão do "fundo partidário", para aqueles que não encamparem os projetos do Governo - 33% aos que votaram contra a reforma trabalhista; 33% contra a da Previdência; 33%, a favor das denúncias contra Temer.Resultado, com a retirada das verbas impede a campanha daquele que, num ato de consciência - tão anormal aos parlamentares atuais -, expressou sua vontade!
E, assim agindo, de antemão estabelece quem serão os candidatos, retirando do eleitor o legítimo direito de escolha. Sua justificativa - bem própria aos ditadores - prima pela desfaçatez: "Quem quis ficar bem com a opinião pública não precisa de verba para a reeleição"!
São ou não sempre os mesmos?
Compartilhe

Video

Mais vistos