Editorial
Publicada em 28/12/2017 - 22h24min

Expectativa

Mais um ano logo termina e outro virá e, por maior que seja o otimismo nesta época do ano, difícil acreditar que teremos grandes mudanças em 2018. Claro que a expectativa é que a economia ganhe fôlego, crescendo mesmo que com números pouco significativos. E que estes resultados positivo elevem a confiança dos empresários e, consequentemente, os investimentos no setor produtivo. Neste círculo virtuoso, serão criadas mais oportunidades de trabalho, e com dinheiro no bolso do trabalhador se fortalecem os setores de comércio e serviços.
Olhando ainda positivamente, podemos celebrar o saldo positivo de empregos da região, por exemplo, de mais de seis mil vagas criadas entre janeiro e novembro, principalmente em Itaquaquecetuba e Mogi das Cruzes, como destacado nos jornais do Grupo Mogi News de ontem. Porém, há o contraponto da retração do número de vagas registrada em seis das dez cidades da região no mês passado, depois da aprovação da Reforma Trabalhista.
Da mesma forma torcemos por mais avanços nas administrações municipais da região, mesmo em meio a tantos desafios. Como já ocorre em Mogi das Cruzes que, no primeiro ano de mandato de Marcus Melo (PSDB), celebra a ampliação de investimentos em Educação, com as novas creches anunciadas, e no potencial tecnológico da cidade com a criação do Polo Digital em junho deste ano, entre outros projetos.
E como sempre há um porém, temos Poá e a alteração no Imposto Sobre Serviços (ISS), que já vem trazendo importantes restrições para a cidade, conforme decisões da gestão de Gian Lopes (PR). E o que a administração poaense prevê é a redução de "ainda mais despesas, se enquadrando a sua nova realidade orçamentária". A expectativa é que estes cortes sejam feitos de forma assertiva, com a manutenção dos serviços básicos da cidade com a qualidade que todos merecem.
São muitas as expectativas e poucas as certezas para 2018, que ainda nos reserva as eleições para presidente da República, governadores, senadores e deputados, além da Copa do Mundo na Rússia. É aguardar!
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos