Autonews
Publicada em 13/01/2018 - 20h04min

Clientes desistem do Kwid na pré-venda

Foto: Divulgação

Algumas pessoas se decepcionaram com o espaço e barulho produzido
As propagandas do Renault Kwid deram uma impressão errada a muitos consumidores que gostaram do carro pela televisão, mas que, pessoalmente, reprovaram. Anunciado como o "SUV dos compactos", o Renault Kwid conseguiu milhares de pedidos em pré-venda. Mas nem todos os interessados mantiveram o negócio após ver o carro ao vivo nas lojas ou fazer o test-drive. São pessoas que, apesar do preço convidativo, esperavam mais do que um compacto de entrada com suspensão elevada.
Em grupos do Facebook criados pelos interessados no Kwid os comentários mudaram de tom no quando o carro começou ser entregue nas concessionárias. Antes, a grande maioria das postagens era sobre pré-venda e características do modelo. Agora, são sobre as impressões de cada um. E nem todos aprovaram. Muitas pessoas que manifestaram o interesse em desistir da compra reclamaram do espaço reduzido no banco traseiro, além de motor barulhento e que vibra muito. Outro disseram ainda que o Fiat Uno Vivace (duas portas, 2015) passa a impressão de ser maior que o Renault Kwid. E, segundo pesquisado, se o Kwid Intense com pintura metálica sai por aproximadamente
R$ 41.300, o Sandero sai por R$ 41.900, e conta com espaço interno melhor que o Kwid.
Outros motivos para algumas desistências são a fila de espera pelo modelo, já que quem efetuar a compra hoje terá de esperar pelo menos 60 dias.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos