Cidades
Publicada em 25/01/2018 - 21h29min

Gustavo Gomes*
posse

Secretário tem o desafio de fazer trânsito da cidade fluir

Almeida esteve na tarde de ontem, na sede da Prefeitura, para assumir o comando das pasta de Transportes

Foto: Divulgação

O prefeito Marcus Melo, e o vice Juliano Abe, acompanham a posse do secretário
O novo secretário de Transporte de Mogi das Cruzes, José Luiz Freire de Almeida, tomou posse na tarde de ontem na sede da Prefeitura. Ele assumiu o lugar do ex-secretário Eduardo Rangel, que deixou a pasta na última quarta-feira após ficar um ano no comando. Essa não é a primeira vez que Almeida assume um cargo na administração municipal, uma vez que ele já foi secretário de Cultura e de Cidadania. O evento foi acompanhado pelo prefeito Marcus Melo (PSDB).
No discurso de posse, Almeida afirmou que as necessidades do município já estão elencados no Plano de Mobilidade Urbana de 2016 e que o desafio da secretaria, agora, é executar o que já está pré-estabelecido no documento. "Baseado em oito sistemas, o plano já traz 28 programas e 183 ações", destacou o secretário.
O prefeito Marcus Melo contou que um dos grandes desafios que o novo secretário terá está relacionado ao fluxo de veículos. "O Plano de Mobilidade fala que existe a necessidade da construção de cinco grandes estacionamentos na área central da cidade. A secretaria tem pensado em fazer parcerias públicas privadas, para que possa ser feito a construção. Em um futuro próximo, alguns trechos da rua Barão de Jaceguai e da Coronel Souza Franco precisarão tirar o estacionamento das ruas para poder melhorar o trânsito". 
Melo também comentou sobre obras que o Executivo pretende terminar. "Falta ainda concluir a alça da Perimetral, um projeto da década de 1980 para ligar a Mogi-Bertioga (SP-98) a Mogi-Salesópolis (SP-88) e da Mogi-Salesópolis a Mogi-Guararema (SP-66) que até hoje não foi feita. Estamos pleiteando junto ao governo federal e vamos buscar inclusive recursos de nível internacional. Por que o que a cidade arrecada e o que ela precisa manter não permite esses grandes investimentos".
Além da liberação do Túnel I, do complexo viário do centro, marcada para 3 de fevereiro, o novo secretário planeja, de início, realizar alguns recapeamentos, mas com poucos recursos em caixa, as vias com mais movimento serão a prioridade da pasta, melhorando assim, o fluxo de veículos. Seguido das sinalizações horizontais e verticais como os abrigos de ônibus.
Durante a apresentação do projeto "Move Mogi" na última quarta, Marcus Melo, anunciou uma proposta de construção de um novo terminal de ônibus na cidade, localizado no distrito de Jundiapeba. O novo secretário comentou sobre o projeto. "O plano é construir o terminal próximo a estação e terá um investimento aproximado de R$ 4 milhões. Mas ainda estamos em fase inicial, iremos conversar com o secretário de planejamento para ter mais informações sobre a obra", finalizou.
*Texto supervisionado pelo editor.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos