Cidades
Publicada em 26/01/2018 - 19h26min

Luana Nogueira
Projeto

Cidade deve ganhar um novo ginásio ao lado do Hugo Ramos

Informação foi confirmada pelo prefeito na manhã de ontem, durante entrevista coletiva na sede da Prefeitura

Foto: Vitoria Mikaelli

Melo: 'O espaço vai apoiar o basquete e o futebol'
A cidade ganhará um novo ginásio de esportes no Mogilar. A previsão é que a licitação para contratar a empresa responsável pela obra seja publicada no início do segundo semestre e que as obras tenham início no fim do ano ou começo de 2019. O projeto está orçado inicialmente em R$ 5 milhões. A estrutura ficará ao lado do Ginásio Municipal Professor Hugo Ramos. A informação foi divulgada pelo prefeito Marcus Melo (PSDB) durante lançamento do programa "Mogi Esportiva", que prevê investimentos na área esportiva para os próximos anos e integra o "Move Mogi". 
Concebido com um projeto voltado para a sustentabilidade, o ginásio contará com placas solares, armazenamento de água de chuva e parede 'verde'. O espaço ainda terá com quadra com dimensões oficiais para futsal, handebol e vôlei, arquibancada e vestiários. Os recursos para construção virão da Prefeitura. 
Para Melo, o ginásio possibilitará o desenvolvimento de futuros atletas para Mogi. "Queremos criar novos talentos. O espaço vai apoiar tanto o basquete quanto o futebol de salão, vôlei e handebol, enfim, todas as atividades que tem condições de serem instaladas", destacou.
Atualmente a cidade conta com 11 campos públicos que serão reformados ao longo dos próximos anos. O objetivo da Prefeitura é construir até 2020 outros 11 espaços em diversos locais da cidade, como Jardim das Bandeiras, Jundiapeba e César de Souza. "Vamos conversar com a comunidade para saber se é melhor grama sintética ou natural", acrescentou Melo. Os centros esportivos do município também passarão por revitalização.  
'Bolsa Atleta'
Um das novidades apresentadas foi a "Bolsa Atleta", que tem o objetivo de valorizar os esportistas do município. "Estamos mudando os critérios, sempre privilegiando os mogianos. O secretário (de Esportes) Nilo Guimarães tem feito o diálogo com os atletas e técnicos que fazem o gerenciamento desses recursos", informou o prefeito.
A ideia é criar, ainda, 20 escolinhas de esportes em locais já existentes, outros que serão criados e com parceria de clubes.
A administração municipal pretende implantar um Núcleo de Avaliação Física que funcionará no ginásio Hugo Ramos e Núcleo de Rendimento Esportivo, que ainda não tem data ou local para ser inserido. "Queremos revitalizar os espaços públicos. Vamos apoiar os atletas de Mogi criando competições para que eles e os times destaques possam representar a cidade nos jogos regionais e abertos", ressaltou.
O secretário de Esportes, Nilo Guimarães, reforçou que a ideia é estimular as pessoas participarem de atividades físicas. No plano apresentado está a ampliação das Academias da Terceira Idade (ATIs). Hoje, existem 70 na cidade. "A ideia é construir mais 10 ATIs. O grande desafio é cuidar das 70 existentes. Alguns bairros receberam bem, mas outros não, por causa do vandalismo", disse. Existe o projeto para colocar duas Academias do Jovem, uma no parque Centenário e outra no parque da Cidade.

Quadro

- Construção de 11 novos campos de futebol e revitalização dos 11 existentes
- Ampliar as Academias da Terceira Idade (ATIs) e reformar as instaladas
- Implantar Academia do Jovem
- Novo Ginásio de Esportes no Mogilar
- Núcleo de Avalição Física
- Programa de Avaliação Física e Detecção de Talentos
- Iniciação Esportiva que deve beneficiar 7 mil pessoas por mês
- Instalação de 20 escolinhas de esportes
- Esporte de Rendimento
- Circuito Esportivo Mogiano
- Projeto Compete Mogi que irá conceder transporte aéreo ou terrestre para atletas
- Bolsa Atleta Municipal
- Núcleo de Rendimento Esportivo
- Prêmio Mogi Esportista
- Modernização e revitalização dos 11 centros esportivos
- Cadastro Esportivo Mogiano (CEM)
- Criação dos Conselhos Gestores

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos