Cidades
Publicada em 27/01/2018 - 19h11min

Profissionalizantes

Inscrições de cursos vão até quarta-feira

Interessados em uma das 250 vagas oferecidas deverão procurar o Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes; no total serão 13 turmas

Foto: Divulgação/PMMC

Entidade está localizada no prédio da Prefeitura de Mogi das Cruzes, 1º andar
O Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes está recebendo inscrições para as turmas de 2018 dos cursos profissionalizantes que são oferecidos em parceria com o Crescer, da Secretaria de Educação. Só no Polo Regional da Escola de Beleza, que fica na Vila Brasileira, foram abertas 13 turmas neste ano, com um total de 250 vagas.
Os cursos são de depilação e design de sobrancelha, manicure e pedicure, pedreiro, assistente de cabeleireiro, corte e costura e maquiagem. Eles possuem carga de horária de 20 a 60 horas e são totalmente gratuitos. Cada pessoa terá direito a fazer um curso deste ciclo.
As inscrições estão sendo feitas diretamente na sede do Fundo Social, que fica no primeiro andar do prédio-sede da Prefeitura de Mogi, mas a orientação aos interessados é primeiramente fazer contato pelo telefone 4726-2127, em dias úteis, das 8 às 16 horas. O prazo de inscrições se estende até a próxima quarta-feira, dia 31 de janeiro.
Além dos cursos no Polo Regional da Escola de Beleza, o Fundo Social de Solidariedade está recebendo inscrições para os cursos descentralizados, que são oferecidos em diversos bairros, associações e entidades parceiras, entre eles o Centro do Paradesporto e a Associação Mogicruzense para a Defesa da Criança e do Adolescente (AMDEM).
Os cursos profissionalizantes são uma das diretrizes de atuação do Fundo Social de Mogi. Por meio deles, as pessoas têm a oportunidade de aprender um novo ofício, praticam a socialização e podem, a partir dos conhecimentos obtidos, entrar ou se reinserir no mercado de trabalho, ou ainda gerar renda de forma autônoma. "Esses cursos são muito especiais, pois por meio deles testemunhamos muitas histórias de transformação, de pessoas que realmente conseguiram uma nova perspectiva de vida após se formarem. Isso é o que faz tudo valer a pena", destaca a presidente do Fundo Social, Karin Melo.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos