Opinião
Publicada em 31/01/2018 - 22h28min

Única solução

É provável que a eleição para presidente da República não tenha a figura de Luiz Inácio Lula da Silva. Ressaltamos o "provável" porque é quase certo que os recursos impetrados pelos advogados do petista sejam rejeitados pelo Tribunal Regional Eleitoral e, caso insistam na candidatura, o nome de Lula será barrado no Tribunal Superior Eleitoral, porque ele foi condenado por um colegiado de juízes, a regra de ouro da Lei da Ficha Limpa.
Porém há indício de que o PT irá bancar a candidatura de Lula mesmo assim. A legenda acredita que sua maior estrela seja a única alternativa para o Brasil sair desse atoleiro político e econômico que está, que começou com a ex-presidente Dilma Rousseff, e se consagra com o atual, Michel Temer (PMDB). Consequências de mandos e desmandos e falta de apoio popular e político.
Mas fato é que, caso insista com a candidatura de Lula, o PT pode cometer uma irresponsabilidade com eleitores, partidários e com a própria instituição Presidência da República, aqui distinguida sem a figura pessoal de seus representantes, mas como órgão de maior respeito do país. Isso porque, se Lula ganhar as eleições, e perder o cargo durante o exercício do mandato, o Brasil continuará no mesmo lugar que está hoje, com avanços risíveis e índices de satisfação da população que chegam a ser desprezíveis.
Se o Partido dos Trabalhadores realmente se preocupa com o futuro do país, deve ter uma alternativa melhor do que bancar um Lula condenado. Seria coerente buscar outros nomes na sigla que possam disputar o cargo. Dessa forma, a impressão que é passada, é que o PT e Lula desejam o cargo pelo cargo, sem a ambição de realizar as transformações que o Brasil precisa.
Sem querer fazer comparações, mas o ex-ministro da Propaganda do regime nazista alemão, Joseph Goeblels (1897 - 1945), disse, em relação a Adolf Hitler (1889 - 1945), que "tinha medo dele, porque ele acreditava no que dizia". Os petistas parecem estar nesse caminho, acreditam que somente Lula é capaz de salvar o Brasil. Se for isso mesmo, é um pensamento muito pequeno para um partido como o PT.
Compartilhe

Video

Mais vistos