Opinião
Publicada em 05/02/2018 - 23h00min

Afonso Pola

A cara do Brasil

Em 1988, ano da promulgação da Constituição, foi também o ano de estreia da novela Vale Tudo. Nosso país apresentava uma economia em crise, profunda desigualdade social, elevado desemprego e muita corrupção. O enredo da novela girava em torno de uma mãe que é passada para trás pela própria filha e o título fazia referência a percepção de muitos em relação ao país.
Mesmo considerando as inúmeras mudanças ocorridas nesses 25 anos é fácil constatar que ainda somos um país do vale tudo. E esse vale tudo não está só no âmbito da política.
Já estamos acostumados a ver estampadas nos jornais notícias sobre empresas que lançam mão de artifícios não muito lícitos para ampliarem seus lucros. Diversas grandes redes de lojas espalhadas pelo país já foram denunciadas por se beneficiarem, direta ou indiretamente, da exploração do trabalho infantil.
Mesmo considerando os diversos ramos da atividade econômica, a lógica do vale tudo por mais lucro é muito frequente. Empreiteiras, bancos e empresas de telefonia também já foram denunciadas por práticas condenáveis, tudo em nome do lucro.
Mas isso também tem sido quase regra no comportamentos das pessoas. Homens e mulheres do nosso Judiciário, poder que aparentemente enfrenta a corrupção do meio político, também demonstram um comportamento nada ético. Juízes, procuradores, desembargadores entre outros estão sendo criticados por receberem vencimentos que muito extrapolam o teto máximo do setor público. Esses vencimentos são inflados por uma série de benefícios, como o "auxílio moradia" que tem sido pago mesmo para aqueles que possuem imóvel na cidade em que trabalham. Isso inclui o juiz Moro do Paraná e Bretas do Rio de Janeiro, esse casado com uma juíza que também recebe tal benefício. Porém, nada descreve com tanta precisão essa profunda crise moral que vivemos como a insistência do governo Temer em transformar a Cristiane Brasil em ministra. Borbulham atitudes dessa mulher que a desabonam para qualquer função pública.
Infelizmente a Cristiane Brasil é a cara do nosso país. 
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos