Cidades
Publicada em 05/02/2018 - 20h59min

Isabella Grisaro*
Trânsito

Novo túnel divide opiniões em primeiro dia útil de operação

Teve quem gostou da nova via, mas teve outros que reclamaram da confusão feita com a sinalização de trânsito

Foto: Vitoria Mikaelli

Via ainda não é muito conhecida pelos moradores da cidade; agentes de trânsito orientaram os motoristas
No primeiro dia útil de funcionamento do túnel I, no centro de Mogi das Cruzes, a reportagem do Grupo Mogi News foi ontem conferir a movimentação do local e conversou com motoristas e demais pessoas que passavam pelo lugar. Entre os entrevistados, havia quem estivesse confuso com a mudança na sinalização de trânsito, no entanto a nova obra viária também foi alvo de elogios.
Os agentes de trânsito estavam próximos à estação de trem para orientar os motoristas, e o trecho da rua Engenheiro Gualberto, após o cruzamento com a rua Cabo Diogo Oliver, está fechado para o fluxo de carros.
Há duas placas indicando o novo sentido da rua Cabo Diogo Oliver, que deixou de ser mão dupla. Mas alguns  condutores acabaram se confundindo, como foi o caso do Thiago Pereira do Nascimento, de 28 anos, que é motorista de caminhão. "Vim fazer uma entrega e confundi o sentido da rua, porque virei, por costume, e acabei não reparando na placa", disse ele, que explicou que não é de Mogi, mas que sempre vem à cidade para descarregar mercadorias.
Porém outras pessoas já se acostumaram e gostaram do novo modelo, a exemplo da administradora Roberta Moraes, 36. "Agora que liberou o trânsito ficou muito melhor. Era necessário dar uma volta, sendo que agora o fluxo de carros consegue ir ao centro de uma maneira melhor".
A pedagoga Isabel Cristina Mateus Border, 45, que mora no bairro possui a mesma opinião. "Agora está muito melhor, poder passar pelo túnel e já ir para o centro da cidade ficou bem mais prático", destacou.
Mesmo para aqueles que não utilizarão o túnel todos os dias, como o músico Paulo Henrique Oliveira, 31, as opiniões estão relacionadas ao desvio do trânsito das outras ruas. "As pessoas estão sabendo se virar bem, eu moro aqui perto e, antes, as todos tinham que dar uma volta grande para ter acesso ao centro", apontou Oliveira, que também comentou sobre a nova sinalização.
"A maioria das pessoas que utiliza esse trecho vem de fora da cidade, então acho que poderiam ter mais placas e melhores sinalizações", concluiu.
Passagem de nível
A antiga passagem de nível na rua Doutor Deodato Wertheimer já está fechada para os veículos e apenas os pedestres podem passar por ali. A Prefeitura colocou grandes vasos de planta no local para indicar a proibição aos motoristas.
*Texto supervisionado pelo editor.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos