Cidades
Publicada em 07/02/2018 - 21h05min

Gustavo Gomes*
Conservação

Imóvel abandonado no Jardim Cambuci incomoda moradores

Local está desocupado, infestado de insetos e cheio de mato; o espaço ainda é utilizado por usuários de drogas

Moradores da rua José Avelino Ramos, conhecida como antiga rua Dois, no bairro Jardim Cambuci, em Mogi das Cruzes, estão preocupados com uma casa abandonada que está localizada em frente ao Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) Clementina Alves Dalbelles. Segundo eles, o espaço está infestado de insetos, cheio de mato e que usuários de drogas são frequentemente visto dentro do imóvel fazendo o uso de entorpecentes.
Procurados pela reportagem do Mogi News, eles informaram que já acionaram a Prefeitura e até mesmo a construtora responsável pela propriedade para falar sobre o problema, entretanto nada foi feito para mudar essa situação. 
Vizinha da casa abandonada, e moradora do bairro desde 2012, a dona de casa Michele Aparecida de 36 anos, revelou que já fez de tudo para tentar resolver o problema, porém não obteve nenhum resultado positivo. "Liguei inúmeras vezes para a Prefeitura contando a situação da casa ao lado, e toda vez que eu ligo eles dizem que vão passar o caso para o controle de zoonoses, mas eles nunca vieram".
Além da Michelle, o aposentado Francisco Lourenço, 59, também se sente incomodado com a situação da propriedade. Ele enumerou os problemas que a população tem que enfrentar com a casa, que fica completamente exposta. "Fica tudo aberto, não tem um portão, nem nada. Qualquer um pode entrar, imagina o que deve ser feito dentro dos cômodos".
Por meio de nota, a Prefeitura informou que será enviado uma equipe de fiscalização para verificar a situação. Constatadas as irregularidades, o proprietário será notificado a realizar as intervenções para a regularização da situação de conservação. A administração municipal ainda e ressaltou que, no ano passado, o imóvel alvo de reclamações já recebeu multas por falta de muro e pela falta de recomposição de calçada.
*Texto supervisionado pelo editor.
 
  • Imóvel já foi multado no ano passado pela falta de muro e recomposição de calçada
  • Lourenço: 'Fica tudo aberto, não tem portão'
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos