Cidades
Publicada em 07/02/2018 - 20h12min

Metropolitano

Corredor do Alto Tietê terá audiência hoje

Arujá vai sediar hoje a quarta e última audiência sobre o Estudo e Relatório de Impacto Ambiental do projeto

Foto: Divulgação/Prefeitura de Arujá

Serão 25 estações de embarque e desembarque
O município de Arujá sedia hoje a audiência pública sobre a implantação do Corredor Metropolitano Perimetral Alto Tietê, que vai ligar a cidade à Ferraz de Vasconcelos. O evento vai acontecer, a partir das 18 horas, no Clube União Arujaense, que fica na avenida Amazonas, 100, no centro. O Conselho Estadual Estadual do Meio Ambiente agendou a audiência, que tem o objetivo de debater com a sociedade civil o Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto ao Meio Ambiente (EIA/Rima).
O empreendimento BRT Metropolitano Perimetral Alto Tietê (Arujá-Ferraz de Vasconcelos) terá 20,2 quilômetros de extensão, ligando Arujá a Ferraz de Vasconcelos, passando por Itaquaquecetuba e Poá. Serão construídos os Terminais Metropolitanos Arujá e Ferraz, e está prevista a reforma do Terminal Cidade Kemel, em Poá. Além disso, devem ser implantadas 25 estações de embarque e desembarque, as Estações de Transferência Estrada do Corredor e Monte Belo, um viaduto em Arujá e outro em Ferraz de Vasconcelos, mais a abertura de 0,8 quilômetro de vias.
O projeto básico foi concluído em dezembro de 2016 e prevê o investimento de aproximadamente R$ 400 milhões. Serão beneficiados em torno de 50 mil passageiros por dia. Em Arujá, o trajeto deve ter 1,8 quilômetros, a partir do Terminal Metropolitano que será instalado entre as avenidas Adília Barbosa Neves, Mário Covas e Renova dos Santos, até encontrar a SP-56.
Estudo
A audiência de Arujá é a quarta e última desta segunda etapa. A primeira foi realizada em Itaquaquecetuba no dia 30 de janeiro, e a segunda em Ferraz, no dia 1º de fevereiro. Na última terça-feira, foi a vez de Poá. A cópia do Estudo esteve disponível nas cidades, mas também pode ser consultada pela Internet, por meio do site da Cetesb (www.cetesb.sp.gov.br) e da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) (www.emtu.sp.gov.br).
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos