Cidades
Publicada em 09/02/2018 - 21h59min

Luana Nogueira
Tecnologia

Startups do Polo Digital vão receber suporte da Microsoft

Cinco empresas foram escolhidas e cada uma terá direito a US$ 9 mil para usar as ferramentas da companhia

Foto: Vitoria Mikaelli

Parceria entre a Prefeitura e a gigante americana apresentou startups ontem
Cinco "startups" do Polo Digital de Mogi das Cruzes foram selecionadas pela Microsoft para receber suporte por meio do programa BizSpark. Cada uma terá direito a um crédito de US$ 9 mil para utilizar as ferramentas e estrutura disponibilizadas pela empresa. As selecionadas foram anunciadas ontem durante o evento que contou com a participação do gerente de programas acadêmicos e startups para a América Latina da Microsoft, o mogiano Rodrigo Dias.
O prefeito Marcus Melo (PSDB) avaliou que a parceria com a gigante de tecnologia impulsiona as empresas de Mogi. "A tecnologia é o novo eixo de desenvolvimento econômico. Hoje, as grandes empresas são de tecnologia e Mogi não pode ficar de fora. Vamos buscar essa parceria com a Microsoft, dando a oportunidade de acesso ao software da empresa", ressaltou.
Para Dias, a expectativa é que novas oportunidades sejam geradas por meio da parceria. "Sempre estamos de olho na próxima geração, não só de estudantes, mas de empreendedores, negócios e grandes empresas que estão nascendo. Para a empresa é muito importante, pois cumprimos uma agenda no Brasil conhecida como Jornada Empreendedora, onde apoiamos estudantes, desde as primeiras noções de programação até a criação do próprio negócio e acesso ao mercado", disse.
O gerente esclareceu que o crédito de US$ 9 mil, que será oferecido pelo período de um ano, servirá para ter acesso à estrutura da Microsoft. "Eles terão acesso à plataforma de nuvem da Microsoft e poderão, por exemplo, hospedar servidores, motores de inteligência artificial, serviços cognitivos. Será disponibilizado acesso a essa plataforma e as startups terão o crédito para utilizar da forma que achar melhor. Fora isso, poderão acessar todo os produtos da Microsoft, como Office e todas as versões de Windows", afirmou. 
Durante o evento, Dias anunciou que a empresas disponibilizariam vagas para outros dois programas da Microsoft, o Microsoft Virtual Academy e Students to Business (S2B). "O primeiro é bem aberto. Praticamente todos os que estiverem inscritos no Polo Digital podem ter acesso. Agora, o Students to Business, que precisamos entender quantas licenças são e, partir disso, trabalhar com as instituições de ensino para fazer a seleção", informou o coordenador do Polo Digital, Rodrigo Garzi.
O programa aproxima os estudantes com o mercado de trabalho. 
Atualmente, o Polo Digital conta com cerca de 20 startups em operação e 1,2 mil pessoas inscritas. As empresas selecionadas para receber o apoio da Microsoft foram: ComboFood, OrçaFacil, Prolead, NFe e Myvillage. 
Investimento 
O Ceo do Prolead, Alessandro Rodrigues dos Santos, de 28 anos, afirmou que a bonificação será utilizada para melhorar o aplicativo que foi desenvolvido há cerca de um ano e conta com quase 100 clientes. "Temos uma ferramenta de marketing digital. Estamos em um momento que precisamos aumentar a performance. Essa parceria proporciona isso", destacou.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos