Cidades
Publicada em 13/06/2018 - 23h52min

Trabalho

Vinte alunos deram início a curso de corte e costura

A primeira aula ocorreu ontem, porém os estudantes ainda terão mais 19 dias de instrução

Foto: Assessoria Secretaria de Desenvolvimento e Agropecuária de Ferraz

Aulas ocorrem dentro da unidade móvel do Viarápida Emprego, instalada no centro
Teve início na manhã de ontem, em Ferraz de Vasconcelos, o curso profissionalizante de Corte e Costura Industrial, que será ministrado na unidade móvel do Viarápida Emprego instalada na praça dos Trabalhadores, na região central. O curso, coordenado pelo Centro Paula Souza, é resultado de um convênio formalizado pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Agropecuário (SMDEA) com o governo do Estado. O secretário Pedro Elias Bou Assi e empresários do setor têxtil participaram da abertura das aulas.
O curso tem duração de 20 dias e é dividido em três turmas com 20 alunos cada, de segunda a sexta-feira, nos horários das 8 horas às 12h10, 13 horas às 17h10 e 18 horas às 22h10. O objetivo é capacitar gratuitamente a população que está em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho ou que deseja ter seu próprio negócio. "O curso de Corte e Costura Industrial vem ao encontro da necessidade das empresas têxteis instaladas no município, que carecem de mão de obra especializada e têm de contratar profissionais de fora do município. Com essa capacitação o morador de Ferraz tem a oportunidade de atender essa deficiência entrar no mercado de trabalho na própria cidade onde reside", avaliou o secretário Bou Assi.
O chefe da pasta de Desenvolvimento Econômico explicou que a formalização desses convênios com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, por meio do Centro Paula Souza, já vem sendo desenvolvido desde o início de janeiro do ano passado. "Por orientação do prefeito José Carlos Fernandes Chacon (PRB - o Zé Biruta), a Secretaria de Desenvolvimento Econômico vem atuando na política de pública de ampliar a vinda de cursos do Viarápida, para capacitar os trabalhadores ferrazenses e inseri-los no mercado de trabalho interno", salientou o secretário ferrazense.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos