Cidades
Publicada em 09/08/2018 - 22h50min

Nayara Francesco*
Licitação

Obra abandonada do CEP Santa Luiza será isolada dos moradores por grade

O terreno onde está sendo construído o Complexo Educacional Poaense (CEP), no bairro Santa Luiza, em Poá, será cercado e a obra temporariamente suspensa por falta de recursos

Foto: Vitoria Mikaelli

Prefeitura não tem recursos para continuar a obra
O terreno onde está sendo construído o Complexo Educacional Poaense (CEP), no bairro Santa Luiza, em Poá, será cercado e a obra temporariamente suspensa por falta de recursos. A prefeitura abriu uma licitação ontem para contratar uma empresa especializada para realizar o fechamento do espaço. A obra está abandonada a aproximadamente quatro anos.
A Secretaria de Obras Públicas, Planejamento, Orçamento, Gestão e Habitação de Interesse Social informou que após o fechamento da licitação e contratação da empresa, os trabalhos deverão começar imediatamente. Os serviços para a instalação do gradil em torno do terreno está estimado em R$ 480 mil, podendo ainda ser reduzido com a oferta mais vantajosa para o município durante o processo licitatório.
Segundo reportagem publicada em fevereiro pelo Dat, os moradores do bairro reclamavam da falta de isolamento da área, o que causava a sensação de insegurança. Isso acabou motivando a Secretaria e Educação a realizar a segregação do espaço. Apesar disso, o secretário Carlos Humberto Martins Duarte afirmou que futuramente o projeto será retomado. "Hoje, uma obra daquela magnitude, não se adéqua à verba municipal, principalmente ao orçamento futuro da cidade. Em um prazo de cinco anos vamos estar com um orçamento muito melhor, cerca de 40% a mais".
No entanto, isso não significa que a proposta original será mantida pelo Executivo. "Esse projeto (CEP) não pode ser abandonado, mas também não pode ser feito com o pouco recurso que a administração tem para custear o dia a dia daquele prédio. O projeto está sendo refeito e pretendemos fazer algo mais simples; vai virar uma boa escola, mas não do jeito que foi projetado inicialmente", admitiu.
A Secretaria Municipal de Educação informou que o novo CEP atenderá a Educação Infantil - Pré I e Pré II, além do Ensino Fundamental para estudantes de 1º ao 5º ano. A construção do CEP teve início em 2014 e estava previsto para ser entregue no ano passado.
*Texto supervisionado pelo editor
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos