Autonews
Publicada em 03/11/2018 - 22h12min

Europa

Volvo inicia impressão de peças em 3D

Se, no futuro, elas poderão ser produzidas em qualquer formato e tamanho e para qualquer unidade da linha de máquinas off-road da Volvo CE, inicialmente, serão poucas as peças em 3D, como componentes para cabines, revestimentos plásticos e partes de unidades de ar condicionado. A empresa usa seu próprio arquivo de desenhos, modelos 3D e informações sobre o produto para alimentar a impressora na produção da nova peça.
"O cliente está recebendo exatamente a mesma peça na substituição de plástico por plástico", afirma Annika Fries, gerente de branding de pós-venda da Volvo CE. "Nós incluímos garantia de qualidade - as peças 3D têm as mesmas especificações e passam pelo mesmo processo que o seu modelo original, e recebem a mesma garantia, para que os clientes possam ter certeza de que estão adquirindo uma peça genuína aprovada pela Volvo", diz Annika.
A criação de novas peças por meio do processo de impressão 3D pode levar apenas uma semana. A entrega rápida dos componentes maximiza o tempo de atividade do equipamento dos clientes. A capacidade de fornecer novas peças para substituir aquelas que saíram da produção normal também pode prolongar a vida útil da máquina como um todo. Peças feitas de metais através da fabricação em 3D também poderão ser oferecidas no futuro.
"Os prazos de entrega são significativamente reduzidos com a impressão 3D e, como não há exigências de quantidade mínima para o pedido, nos beneficiamos da entrega mais rápida de peças, menores níveis de estoque em nossos depósitos e uma melhor capacidade de equilibrar oferta e demanda", explica Daniel Kalfholm, líder de projeto de compras para o pós-venda para a região EMEA (Europa, Oriente Médio e África) da Volvo CE. "E tudo pode ser realizado a um preço de compra comparável ao de um componente fabricado tradicionalmente", lembra.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos