Cidades
Publicada em 11/10/2018 - 22h06min

Ferraz

Vereador exige urgência para reforma de posto

Aproveitando a presença do secretário municipal de Saúde, Aloiso Priuli Lopes, na audiência convocada para discutir o trabalho de várias pastas, na quarta-feira passada, na câmara, o vereador Luiz Fabio Alves da Silva (MDB) pediu prioridade na reforma do Posto de Saúde Antônio Nhan, no Jardim Luiz Mauro, na região da Vila Santa Margarida

Foto: Divulgação

Parlamentar lamentou prejuízos para os moradores
Aproveitando a presença do secretário municipal de Saúde, Aloiso Priuli Lopes, na audiência convocada para discutir o trabalho de várias pastas, na quarta-feira passada, na câmara, o vereador Luiz Fabio Alves da Silva (MDB) pediu prioridade na reforma do Posto de Saúde Antônio Nhan, no Jardim Luiz Mauro, na região da Vila Santa Margarida. Para ele, o fechamento temporário da Unidade Básica de Saúde (UBS) está afetando o dia a dia de moradores.
Na prática, a obra deveria ter sido feita desde o ano passado quando a atual administração  resolveu parar o atendimento no local para, com isso, executar o serviço de manutenção. No entanto, apesar de passados vários meses, nada foi realizado para restabelecer o funcionamento do referido posto. Com a medida, o atendimento passou a ser feito numa casa alugada próxima, na rua Senador José Ermírio de Moraes, 270, porém, o lugar não dispõe de espaço suficiente e de acessibilidade.
"Na verdade, os usuários do posto não aguentam mais tanta demora na volta do atendimento ao prédio antigo. Por isso, solicito providências urgentes para sanar de uma vez por todas esse grave problema", apelou o vereador. Em resposta, a secretária da Fazenda, Silvana Francinete da Silva, disse que a obra encontra-se em fase de licitação, mas não deu um prazo para que o serviço seja iniciado.
Além disso, o parlamentar expressou sua preocupação em relação a possível terceirização de alguns serviços na área da Saúde em estudo pelo Executivo. Em sua opinião, todo o procedimento precisa ser efetuado com o máximo de cautela para evitar o desperdício de dinheiro e, sobretudo, prejudicar o atendimento a população.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos