Esportes
Publicada em 02/10/2018 - 23h35min

Estadão Conteúdo
libertadores

Verdão adota cautela contra o Colo-Colo

Técnico Felipão alerta para o retrospecto ruim no Allianz Parque em jogos de mata-mata, mas quer aproveitar boa fase e a empolgação da torcida

Foto: Divulgação

Felipão diz que é preciso respeito com time chileno e que todo cuidado é pouco
A empolgação da torcida é evidente, ainda mais depois que o Palmeiras assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro e encaminhou sua classificação para a semifinal da Copa Libertadores ao ganhar do Colo-Colo no jogo de ida, em Santiago, por 2 a 0. Mas para o confronto de volta contra o chilenos, hoje, o técnico Felipão já avisou que todo cuidado é pouco.
O experiente treinador se baseia em um retrospecto negativo do Palmeiras no Allianz Parque em algumas partidas decisivas de mata-mata. Na final do Paulista, apesar de ter vencido o Corinthians em Itaquera, perdeu em casa e foi derrotado nos pênaltis. Contra o Cruzeiro, pela semifinal da Copa do Brasil, também sofreu um revés em seu campo.
Outro exemplo pode ser a disputa com o Cerro Porteño. O Palmeiras venceu em Assunção por 2 a 0 e acabou sendo derrotado em pleno Allianz Parque por 1 a 0, em um duelo que poderia ter custado caro para o time. No final, a classificação veio no sufoco. Assim, se fora de casa o time brilha, dentro ainda apresenta falhas.
Até por isso, Felipão prega cautela, mesmo tendo uma boa vantagem debaixo do braço. "Precisamos examinar o que ocorreu no Chile. Tivemos dois gols e outras duas chances, mas eles tiveram quatro ou cinco grandes oportunidades. Fomos felizes nas finalizações. Precisamos ter respeito ao Colo-Colo, que tem muita qualidade. Nossa vantagem pode ser diminuída no minuto inicial", avisou.
A expectativa é que o estádio esteja cheio para a partida, ainda mais pela ótima fase do Palmeiras na temporada - mais de 35 mil ingressos foram vendidos antecipadamente para o jogo de hoje. Felipão não poderá contar com o volante Felipe Melo, suspenso.
Do outro lado, o Colo-Colo tem alguns problemas para o confronto. O capitão Esteban Paredes, artilheiro do time com 18 gols em 24 jogos na temporada, está machucado. Outra baixa é o lateral Damián Pérez, que está suspenso. "Nossa expectativa é conseguir a classificação. O resultado do primeiro duelo foi injusto, por isso acredito que a classificação está aberta", disse o técnico Héctor Tapia.
Compartilhe

Video

Mais vistos