Cidades
Publicada em 29/12/2018 - 20h06min

saldo

Prefeitura de Itaquá recebe R$ 2,7 milhões do Legislativo

Valor foi devolvido referente saldo dos recursos destinados à câmara neste ano, que totalizaram R$ 15 milhões

Foto: Gisele Santos/Divulgação

Mamoru recebeu o cheque do presidente da câmara, acompanhado por vereadores e o secretário Harada
A Câmara de Itaquaquecetuba devolveu, na última sexta-feira, R$ 2.728.327 aos cofres da prefeitura. O cheque foi entregue pessoalmente ao prefeito Mamoru Nakashima (PSDB) pelo presidente do Legislativo, Roberto Carlos do Nascimento Tito (PSDB), o Carlinhos da Minercal, ao lado de vereadores e do secretário de Finanças e Saúde, William Harada. O valor devolvido é referente ao saldo do orçamento enviado à Casa de Leis, que foi de R$ 15.505.592 neste ano.
De acordo com Carlinhos da Minercal, a devolução foi resultado de uma gestão austera, que sempre privilegiou os interesses do município. O prefeito ressaltou a importância da iniciativa do Legislativo para a cidade e afirmou que o dinheiro devolvido será utilizado em áreas essenciais. Em 2017, o valor devolvido pelos vereadores ultrapassou R$ 1,5 milhão.
A câmara também foi a primeira da região a realizar a devolução da frota de veículos oficiais ao Executivo, apenas dois foram mantidos para serviços essenciais. A medida gerou uma economia de 72,1% em comparação ao ano passado. Em 2017, o valor gasto com seguro e combustível dos veículos totalizou R$ 62.780, 56, e em 2018, foram gastos, R$17.513, 17. Em abril foram devolvidos 12 veículos, e em dezembro, três.
Mesa Diretiva 
Carlinhos da Minercal deixou neste mês o comando do Legislativo após dois anos. Edson Rodrigues (PODE), o dr. Edson da Paiol, será o novo presidente da câmara para o biênio 2019-2020. A Mesa Diretora também será composta pelos vereadores César Diniz de Souza (Avante), o Cesinha da Associação, como primeiro vice-presidente; Carlos Alberto Santiago Gomes Barbosa (PSD), segundo vice-presidente; Valdir Ferreira da Silva (PSD), o Valdir da Farmácia, primeiro-secretário; João Batista Pereira de Souza (PSDB), o Pelé da Sucata, segundo-secretário; e Armando Tavares dos Santos Neto (Patriota), que tentou ser presidente, como primeiro vice-secretário.
Contas 2014 
Por falta de quórum, não foi votado na sessão extraordinária da Câmara, também na última sexta-feira, o parecer prévio emitido pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) sobre as contas anuais da prefeitura relativas ao exercício de 2014, o segundo ano do primeiro mandato de Mamoru. 
Dos 19 vereadores que compõem o Legislativo da cidade, na sessão estiveram presentes apenas dez parlamentares.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos