Esportes
Publicada em 09/02/2019 - 00h37min

Estadão Conteúdo
Paulistão

São Paulo usa equipe reserva em Campinas

Preservando elenco para jogo de volta da Libertadores na próxima quarta, Tricolor enfrenta a Ponte Preta com risco para o treinador André Jardine

O São Paulo chega hoje para a partida contra a Ponte Preta, às 19 horas, no Moisés Lucarelli, em Campinas, pela sexta rodada do Paulista, com o moral lá embaixo depois da derrota na estreia na Copa Libertadores, para o Talleres, por 2 a 0. Assim, recuperar o aspecto psicológico é o seu objetivo. Ameaçado no cargo, o técnico André Jardine deverá escalar uma formação totalmente reserva, justamente em razão do confronto de volta contra os argentinos, marcado para a próxima quarta-feira.
No Paulista, a situação também não é confortável. Com nove pontos, a equipe vê Ituano e Oeste próximos, ameaçando a sua liderança no Grupo D. Para piorar, na próxima rodada, visitará o Corinthians em Itaquera.
Em virtude da tragédia que matou dez jogadores da base do Flamengo, ontem, no Ninho do Urubu, o São Paulo alterou sua programação. O time abriria parte do treino para a Imprensa, mas optou por realizar a atividade fechada, aumentando o mistério sobre o time que atua em Campinas.
Na Ponte, o jogo contra o São Paulo pode ser um divisor de águas. Um tropeço vai instalar de vez a crise no Moisés Lucarelli depois de uma semana bastante tumultuada nos bastidores. A derrota para o Bragantino, por 2 a 1, no último domingo, resultou na demissão de Mazola Júnior, que conseguiu somar apenas cinco dos 15 pontos disputados.
Compartilhe

Video

Mais vistos