Variedades
Publicada em 29/04/2019 - 20h31min

Arte

Rodrigo Bittencourt presenteia a cidade com orquídea de 9 metros

Monumento em aço inox será instalado na Avenida das Orquídeas, que tem inauguração prevista para junho

Referência à importância da região na produção nacional de flores, cenário no qual Mogi das Cruzes é líder no cultivo de orquídeas, a enorme "Orquídea", de Rodrigo Bittencourt, será doada à cidade. O projeto produzido por Roberta Regato tem realização do Governo do Estado de São Paulo por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e foi patrocinado pelas empresas Rinnai, JSL e CS Brasil.
A obra, que será instalada na rotatória David Brobow (trecho inicial da avenida), consumiu mais de duas toneladas de aço inoxidável, cerca de 300 quilos de eletrodos, levou seis meses para ser produzida no ateliê do artista no bairro do Botujuru, zona rural de Mogi das Cruzes. A instalação está programada para sábado, 27, e deve ser concluída no mesmo dia, ficando visível ao público. A inauguração oficial, porém, coincidirá com a abertura da avenida, prevista para junho.
Este será o sexto monumento de Rodrigo Bittencourt, escultor de 37 anos e filho do renomado artista plástico Lucio Bittencourt, a ser instalado na cidade onde nasceu e mantém seu ateliê. Em Suzano, estão outros quatro, um em Ribeirão Pires e, há três meses, ele inaugurou o maior de seus monumentos, o portal da cidade de Atibaia, com mais de 12 metros de extensão e seis metros de altura, com peso superior a seis toneladas, representando os morangos e as rosas, protagonistas da economia da cidade. Com a instalação da "Orquídea", serão 12 monumentos públicos que levam sua assinatura.
Para o artista, "é muito gratificante poder usar minha arte para mostrar virtudes que envolvem toda a gente da cidade, são momentos históricos que precisam ficar registrados. Fiquei muito feliz quando consegui fazer o monumento em homenagem ao basquete mogiano e agora sinto a mesma emoção ao provocar as pessoas para a importância da orquídea".
Rodrigo Bittencourt já trabalha em outras duas esculturas monumentais e a conclusão de uma delas é certa ainda este ano. "Talvez as duas, os projetos estão aprovados também por meio de lei de incentivo à cultura, só depende de a execução ser viável", diz ele, com a naturalidade de quem faz monumentos por ofício de rotina.
  • Obra vai ser instalada na rotatória David Brobow
  • Com mais de duas toneladas de aço inoxidável, arte foi produzida em seis meses
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos