Brasil e mundo
Publicada em 11/06/2019 - 00h41min

Fins medicinais

Cultivo de maconha será discutido hoje

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) discute hoje a liberação do cultivo e produção de maconha no país para fins medicinais e científicos. Atualmente, o plantio de cannabis, nome científico da planta, é proibido no Brasil, mas há grupos e associações que conseguiram decisões judiciais para a produção no Brasil.
A diretoria da Anvisa discute a possibilidade de levar à consulta pública duas propostas em análise desde 2017. A primeira que cria regras o plantio de cannabis no Brasil para pesquisa e produção de medicamentos. Uma segunda sobre os critérios para registro, monitoramento e comercialização desses produtos.
Atualmente, no país, a agência já autoriza pedidos para importação de óleos e medicamentos à base principalmente de canabidiol, substrato da maconha mais comum na produção de medicamentos. .
O uso de derivados da maconha é mais comum em enfermidades degenerativas como doença de Parkinson e esclerose múltipla até a alguns níveis de autismo e tipos de câncer.(E.C)
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos