Cidades
Publicada em 11/11/2019 - 16h04min

Felipe Antonelli
estados unidos

Mogiano faz história e se torna campeão da liga de beisebol

Com a conquista ele se tornou o segundo brasileiro em toda história a realizar tal façanha em solo americano

Foto:

Atleta de Mogi das Cruzes começou a jogar na cidade em 1999 no Clube Bunkyo
O mogiano Yan Gomes, de 32 anos, jogador do Washington National, foi campeão da liga norte-americana de beisebol se tornando o segundo brasileiro de todos os tempos a realizar tal façanha em solo americano - o primeiro foi o atleta Paulo Orlando, em 2015 pelo Kansas City. Esta é a primeira conquista de Gomes e do time da capital americana, que nunca havia levantado este troféu na competição.
O time do mogiano se sagrou campeão ao derrotar o Houston Astros, por 6 a 2, no último duelo da World Series, a serie de sete jogos finais da temporada, vencida por 4 a 3.
O triunfo de Gomes veio após sete anos na liga americana de beisebol. Em 2012, Gomes estreou pelo Toronto Blue Jays se tornando o primeiro brasileiro a jogar na modalidade.
O catcher (receptor) foi descoberto em Mogi pelo treinador cubano Augusto Fonseca, durante jogos e treinos que ele realizava no Clube Bunkyo de Mogi. O atleta mogiano jogava beisebol desde os 7 anos e sempre levou jeito para o esporte impopular no Brasil, mas um dos mais vistos em solo americano. Sua história nos Estados Unidos começou em 1999 quando ele e sua família se mudaram para o país. Os estudos levaram o ainda jovem Gomes às ligas cada vez com mais prestigio até o título deste ano, que marca o auge de sua carreira no esporte.
Um dos torneios disputados por Gomes com o time mogiano foi a Taça Brasil de Beisebol, disputada julho de 1998 em Londrina, no Paraná. O agora campeão da liga americana era camisa 7 da equipe mogiana.
O jogador já havia entrado história ao se tornar o primeiro brasileiro a disputar uma partida na Major League Baseball (MBL), quando em maio de 2012, entrou em campo contra o New York Yankees e conseguiu duas rebatidas na vitória do Toronto Blue Jays - seu time na época. Ainda nesta noite, Gomes levou para casa a bola de sua primeira rebatida, como símbolo do inicio de sua trajetória nos campos americanos. Ter levado a bola para casa parece ter dado sorte ao futuro campeão.
Em dezembro de 2013 Gomes fez uma visita ao centro de treinamento do clube Bunkyo de Mogi, onde discursou aos jovens que treinavam no local. Ele ainda participou de algumas atividades com as crianças onde tudo teve início.
À época, o receptor, agora campeão da MLB, se disse emocionado por estar onde tudo começou. "Tem que ter muita disciplina, amor pelo beisebol e esforço no trabalho", disse ao grupo de criança.
Gomes ainda relembrou as fotos nas quais ele aparece com a camisa do clube e deu dicas para os jovens atletas, do caminho das pedras do esporte ianque.
Entre mogianos
Gomes recebeu uma camisa da seleção brasileira de futebol, autografada pelo camisa 10 da amarelinha, o também mogiano, Neymar Junior, jogado do Paris Saint-Germain, da França. Em suas redes sociais, Gomes não escondeu o carinho por Neymar e colocou a legada "Neymar, valeu por tudo. Orgulho de ser mogiano. Boa sorte e Deus te abençoe".
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos