Cidades
Publicada em 08/11/2019 - 00h06min

Felipe Antonelli
Nos próximos anos

Com suporte do DAEE, 90% do esgoto de Mogi pode ser tratado

Audiência pública realizada ontem à noite para apresentar o programa Renasce Tietê trouxe a proposta do Estado

Foto: Felipe Antonelli

Abe ressaltou os esforços da administração para a melhora na qualidade da água
Com auxílio do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), por meio do programa Renasce Tietê, e os trabalhos realizados pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, a cidade terá cerca de 90% de esgoto tratado nos próximos anos. A afirmação é da coordenadora de unidade e gestão de projeto do departamento, Marta Maria Alcione Pereira, que em consulta pública realizada na noite de ontem, no auditório da prefeitura, apresentou o projeto Renasce Tietê e destacou o amplo trabalho que será realizado no município.
"Mogi é uma cidade de porte, com uma administração preocupada com a parte de saneamento básico. Em Mogi, vamos fazer uma estação de tratamento de água de chuva e a água que entra no Tietê já vai entrar com uma qualidade melhor", destacou Marta.
De acordo com o DAEE, o problema é que a água do rio Tietê é avaliada com qualidade baixa ao sair de Mogi, enquanto ao entrar na cidade sua qualidade é boa. Para resolver tal problema, o departamento sugere a instalação de uma estação de tratamento na cidade, que consiga melhorar a qualidade da água para que ela chegue boa em Suzano. Além disso, serão instalados seções de controle, com o intuito de mensurar a qualidade que entrará em Mogi e a que deixará o município por meio do rio Tietê.
O prefeito em exercício, Juliano Abe (MDB), disse que os esforços da administração para controle e melhora na qualidade da água nos últimos anos foram intensos e que o projeto proposto pelo DAEE é fruto da preocupação também dos prefeitos anteriores.
"O DAEE vem mostrando uma parceria muito grande com a cidade tendo como base nossos planos de tratamento de esgoto. A gente fica muito grato ao DAEE por realizar todo esse programa em Mogi", disse Abe.
Já em Salesópolis, o Parque das Nascentes será amplamente reformado, voltado para turismo e preservação ambiental, conforme apresentado anteontem em reunião na cidade.
Participação
A consulta pública da noite de ontem contou com representantes da sociedade civil, bem como professores ativistas relacionados à área ambiental, que se mostraram preocupados com a situação dos peixes e da viabilidade do projeto. Perguntas técnicas - e de interesse da população - foram respondidas pelos representantes do DAEE, que explicaram que esta etapa do programa Renasce Tietê ainda será amadurecida e contará com as sugestões propostas no encontro de ontem.
Além do chefe do Executivo em exercício, os secretários Daniel Teixeira de Lima, Cláudio de Faria Rodrigues e Renato Abdo, do Meio Ambiente, Planejamento e Urbanismo e Agricultura, respectivamente, também estiveram na audiência. Por parte do Legislativo, o vereador Antonio Lino (PSD), que faz trabalhos relacionados ao tema na câmara também acompanhou o encontro.
Compartilhe
Comentários
Comentar

Video

Mais vistos