Cidades
Publicada em 04/07/2020 - 20h53min

Felipe Antonelli
Mudança de ares

PM Ambiental está de casa nova no Parque Leon Feffer

Segundo comandante da companhia, capitão Salem, localização favorece a cobertura no atendimento regional

Foto: Mariana Acioli

Conversas com a Prefeitura de Mogi das Cruzes foram iniciadas para ampliar instalações da Polícia Ambiental
A 5ª Companhia da Polícia Militar Ambiental, que atende Mogi das Cruzes e o Alto Tietê, está de casa nova. Com a entrega oficial da área do Centro Esportivo do Socorro ao Serviço Social do Comércio (Sesc), a base da PM Ambiental teve de ser transferida para um local dentro das dependências do Parque Municipal Leon Feffer, na avenida Valentina Mello Freire Borenstein, no distrito de Braz Cubas.
Com isso, a força policial voltada à proteção da natureza continua no centro dos municípios da região, conseguindo atender todas as cidades do Alto Tietê num curto tempo de resposta.
"Foi um ganho muito grande. A PM Ambiental continua estrategicamente localizada no centro do Alto Tietê para dar uma resposta rápida às ocorrências", avaliou o capitão Danilo Salem, comandante da companhia. "Se analisar o mapa da região, estamos localizados na parte central, o que nos ajuda muito no tempo para atender uma ocorrência", concluiu.
O comandante Salem informou ainda que as tratativas junto à Prefeitura para ampliação do novo espaço que recebe a PM Ambiental já tiveram início. Segundo ele, há essa necessidade para comportar os equipamentos e as constantes apreensões realizadas pelo grupo.
"Precisamos de salas de aula, aumentar a estrutura da base para os policiais. Temos grandes apreensões de materiais e precisamos colocar esses itens em algum lugar. Mas as tratativas já começaram", ressaltou Salem.
Dentre as diversas ocorrências atendidas pela Polícia Ambiental no Alto Tietê, casos recentes chamaram atenção. No mês passado, foram apreendidas 30 aves silvestres durante uma ação em Itaquaquecetuba. Por meio da operação "Meio Ambiente Mais Seguro", realizada na oportunidade em todo o Estado, a ação rendeu uma multa de R$ 16,9 mil aos infratores.
Há duas semanas, a polícia também foi responsável pela apreensão de quatro pessoas que produziam balões no bairro do Cocuera, em Mogi. Os infratores apreendidos responderão pelo crime ambiental de soltura de balão e serão multados em R$ 5 mil.
Parque Leon Feffer
Uma discussão que se iniciou após o anúncio do novo local foi o quanto o Parque Leon Feffer ganharia com a presença de uma base da PM Ambiental no local. Segundo o comandante da companhia atuante em Mogi, a presença da PM Ambiental no espaço representará mais segurança aos usuários do local, que tende a ficar mais movimentado.
"Não viramos seguranças do parque, isso é importante deixar claro, mas a nossa presença vai estimular que pessoas se dirijam ao local para aproveitar o contato com a natureza. Estamos atuando junto a segurança do parque", completou o comandante.
 
Compartilhe
Comentários
Comentar

Mais vistos