Devoção

Bandeiras do Divino cobrem de vermelho as ruas de Mogi

Aproximadamente 1,5 mil pessoas participaram da primeira Alvorada, ontem; devotos voltam às ruas hoje

07/05/2016 às 21:27
Atualizada em 07/05/2016 às 21:27.

FOTO:

Os devotos do Divino Espírito Santo de Mogi das Cruzes cobriram de vermelho as ruas centrais da cidade com as suas bandeiras (símbolo sagrado que representa o Espírito Santo para os devotos), na manhã de ontem, quando foi realizada a primeira Alvorada da Festa do Divino, com a participação do bispo diocesano de Mogi, dom Pedro Luiz Stringhini. Hoje, os fiéis voltam a louvar ao Espírito Santo, a partir das 5 horas, em um percurso diferente, mas também pela área central, com concentração em frente ao Império, na Praça Coronel Almeida. As vias a serem percorridas são: Dr. Paulo Frontim, Coronel Moreira da Glória, Navajas, Capitão Manoel Caetano e Dr. Paulo Frontim. Aproximadamente 1,5 mil pessoas, de diferentes idades, participaram do primeiro dia da Alvorada, de acordo com a organização. O tradicional café com pão com mortadela e biscoito foi servido aos fiéis, após o percurso, no Salão Paroquial da Catedral de Santana.
A madrugada fria não desanimou a professora Leonor Tereza, moradora do Alto do Ipiranga. Todo ano ela faz questão de chegar bem mais cedo do que o horário que se inicia o trajeto para poder carregar uma das 15 lanternas que abrem o cortejo e iluminam o caminho. "Eu cheguei aqui às 3 horas, e consegui pegar a última lanterna. Desde pequena eu participo da Alvorada que, para mim, representa, luz e paz. Eu venho para agradecer os pedidos alcançados", frisa a professora aposentada.
O motorista Maurício Ramos de Oliveira, de 54 anos, e a esposa dele, Sandra Aparecida, eram o primeiro da fila para tomar o café da Alvorada. Os dois participam dos nove dias de Alvorada, há oito anos. "A fé que temos no Espírito Santo nos traz até aqui todos os dias. Temos de agradecer por tudo de bom que conquistamos", diz Sandra.
Emocionada, a festeira Mônica de Sousa Mello destaca que esse momento de despertar em oração logo pelas primeiras horas do dia é realmente um estado de graça, que só fortalece a ela e ao marido, o festeiro Sérgio Braz de Souza, a seguir adiante com os muitos compromissos que eles têm com a festividade religiosa. "Foi muito bonito ver tanta gente em oração com o mesmo propósito, o de chamar e louvar o Espírito Santo", comenta.
Na opinião do bispo diocesano de Mogi, dom Pedro Luiz Stringhini, quanto mais gente participando da Alvorada, o povo sente mais a força da união, fraternidade e sobretudo a presença de Deus. "A participação dos devotos superou as nossas expectativas, e a tendência é aumentar mais com o passar dos dias", sintetiza o religioso, que serviu café aos devotos após a procissão.  
O destino da Alvorada, na segunda-feira, é o Cemitério São Salvador, na Vila Oliveira.
Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News