Ativismo

UMC recebe programação feminina

Auditório do Centro Cultural da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) recebe hoje parte da programação dos 21 dias de ativismo pelo fim do racismo e da violência contra a mulher, campanha organizada por coletivos, organizações não-governamentais e ativistas que acontece na cidade até o domingo que vem

19/03/2018 às 22:12
Atualizada em 19/03/2018 às 22:12.
Divulgação

Empoderamento da mulher é um dos temas discutidos - FOTO: Divulgação

Auditório do Centro Cultural da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) recebe hoje parte da programação dos 21 dias de ativismo pelo fim do racismo e da violência contra a mulher, campanha organizada por coletivos, organizações não-governamentais e ativistas que acontece na cidade até o domingo que vem. Com o tema "Urgências, resistências e outros olhares", as atividades incluem sessões de cinema e debates a respeito do empoderamento feminino, racismo, cinema, mídia e cultura, sendo voltadas aos alunos de Comunicação e Design da UMC e abertas à comunidade.
Às 19 horas, o bate-papo é sobre mulheres, racismo e cultura com as convidadas Alê Almeida, socióloga e ativista do movimento de mulheres negras e integrante dos coletivos Marcha das Mulheres Negras de São Paulo e Revolta da Lâmpada (LGBT); Aline Damásio, secretária de Cultura de Guaratinguetá, e Larissa Ibumi Moreira, historiadora e autora de "Vozes Transcendentes: os novos gêneros na música brasileira". A mediadora será Daniela Santana do grupo Contadores de Mentira e integrante da rede mundial de mulheres das artes cênicas The Magdalena Projeto.
Também será realizada sessão de cinema com debates sobre temáticas a respeito do empoderamento feminino nas periferias e a luta contra o racismo. Às 17 horas será exibido "Quem te penteia", de Zalika Produções. A obra retrata a busca pela identidade dos moradores das áreas periféricas, por meio da estética do cabelo. Dentre as convidadas, destaca-se Mariana Prudêncio, do projeto "Quem te penteia". Será apresentado também "Gritem-me negra!", de Priscila Rezende, além de episódios Projeto Empoderadas, de Renata Martins.
Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News