Itaquá

Prefeitura cobra Caixa e construtora do Lebani

Moradores reclamam de infiltrações, rachaduras e acabamentos que não foram feitos

20/03/2018 às 21:41
Atualizada em 20/03/2018 às 21:41.
Defesa Civil de Itaquaquecetuba/Divulgação

Conjunto apresenta rachaduras, entre outros problemas - FOTO: Defesa Civil de Itaquaquecetuba/Divulgação

A Prefeitura de Itaquaquecetuba está cobrando a Caixa Econômica para que tome providências e acione a construtora Enplan para a manutenção dos apartamentos que apresentaram problemas no Conjunto Residencial Lebani. De acordo com o secretário de Habitação, Roberto Kimura, os contemplados das unidades habitacionais têm feito várias reclamações. O empreendimento foi entregue em dezembro do ano passado e possui 840 unidades habitacionais, divididas em três condomínios.
"Os moradores têm procurado a Secretaria de Habitação para reclamar de infiltrações, rachaduras, acabamentos que não foram feitos de forma adequada, entre outras situações que realmente trazem dor de cabeça, por esse motivo, estamos cobrando a Caixa para que tome as providências necessárias e urgentes", disse Kimura.
Desde que os moradores começaram a relatar tais problemas, a Secretaria Municipal de Habitação tem recebido as reclamações e cobrado soluções da Caixa e da Enplan. Uma equipe da pasta começou anteontem um trabalho no local para ouvir diretamente os contemplados. O prefeito de Itaquá, Mamoru Nakashima (PSDB), disse que a Prefeitura está atenta aos problemas e vai cobrar os responsáveis: "Estamos ao lado das famílias desde o início do projeto Lebani e vamos continuar cobrando a Caixa e a Enplan, que são os responsáveis pela obra", afirmou o prefeito.
A Defesa Civil esteve visitando seis apartamentos para verificar as condições e fazer um trabalho de prevenção, constatando que não existem riscos estruturais. O Residencial Lebani conta com 420 vagas de garagem, quadra de esportes, salão de festas e playground. O empreendimento é fruto de uma parceria entre a cidade e os governos estadual (programa Casa Paulista) e federal (Minha Casa Minha Vida). Entre os contemplados estão 240 famílias que viviam em áreas de risco e os demais foram definidos por meio de sorteio. Uma creche com 180 vagas também foi construída no local para beneficiar as crianças do bairro. 
Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News