Artista mogiano dá vida a Simba, de 'O Rei Leão'

Desde pequeno, Mafra 
já mostrava vocação
Desde pequeno, Mafra já mostrava vocação - FOTO: Foto: Divulgação
O Rei Leão, um dos filmes que mais rendeu bilheteria à Walt Disney, está fazendo sucesso novamente nas telonas, 25 anos depois do lançamento da versão original. Desta vez, a produção é em live-action (quando histórias originalmente criadas em animação passam a ter uma versão feita por atores reais). O jovem cantor e dublador de Mogi das Cruzes, João Vitor Mafra, de 13 anos, é quem dá voz ao personagem Simba, na primeira fase do remake. O jovem mogiano ficou conhecido após participar de umas das edições do The Voice Kids,da Rede Globo; e do programa Ídolos Kids, da Record TV.
O artista começou a dublar séries e filmes há dois anos e, apesar da pouca idade, já tem no portfólio trabalhos como "Puppy Dog Pals", "44 Gatos", "O Quebra Nozes e os 4 Reinos", "O Mundo colorido de Charlie", entre outras produções.
Mafra conta que ficou muito surpreso quando recebeu a notícia de que tinha sido aprovado para dublar o leão Simba. "A partir dos trabalhos anteriores que realizei, me chamaram para fazer o teste para o cinema. Quando fazemos uma avaliação nunca sabemos sobre o que será, só descobrimos dentro do estúdio. Quando vi o
que era quase
enfartei. Não imaginava que fosse conseguir o papel", ressaltou.
Apesar das críticas em relação à nova versão do filme, Mafra acredita que a nova proposta atingirá uma nova geração de fãs. O jovem mogiano nasceu 15 anos após o lançamento do filme original, por isso, sua mãe foi quem o ajudou a entender a importância da história. "Agora, com a repercussão, comecei a entender a dimensão desse filme. Estou amando ouvir a minha voz em um personagem de tanta importância", disse o artista, acreditando, ainda, que a mensagem do filme pode influenciar positivamente os telespectadores. "O recado que a história passa continua com a mesma importância, mas hoje, mais do que nunca, precisamos de filmes com mensagens desse tipo", acrescentou.
Em relação às criticas, Mafra se mostra maduro e garante que o respaldo da família é importante. "Ainda estou aprendendo a lidar com as criticas. Minha família me apoia e, a cada dia que passa, penso em me aprimorar para fazer um bom trabalho", explicou.
Trabalho
O processo de dublagem do leão Simba, ocorreu na TV Group, em São Paulo e levou três dias - um para gravar as músicas e dois para os diálogos. Após as gravações, foram feitas as revisões de dublagem. Ainda que cada dublador tenha gravado sua parte separada Mafra conheceu, durante a sessão de fotos do lançamento do filme, o ator e cantor Ícaro Silva, que faz a voz do Simba na segunda fase do enredo; além da cantora Iza, que é quem dubla a leoa Nala.
*Texto supervisionado pelo editor. 

ENREDO

O pequeno Simba é o herdeiro do trono do rei da floresta, o leão Mufasa. Porém o filhote está ameaçado pela ganância do tio, irmão de seu pai, Scar, o qual deseja apoderar-se do titúlo de rei. Scar arma uma emboscada para seu irmão e sobrinho, para dessa forma obter a coroa. Mufasa morre, e Simba consegue sobreviver. Entretanto, o filhote de leão foge para bem longe e passa a viver com um suricato e um javali e cresce se sentindo culpado pela morte do pai. Scar enfim toma o poder do reino. Anos se passam, Simba se torna um adulto, e enquanto isso, a vida no reinado de Scar esta cada vez mais dificil para seus súditos. Falta de comida e de água são os principais problemas. Ao tomar conhecimento da situação do reino, Simba decide retornar as origens para tomar o seu lugar de direito e salvar os animais da floresta. Quando Scar e o sobrinho se reencontram, os dois discutem terrivelmente. Simba obriga o tio a contar a verdade, de que foi ele quem tramou a morte de Mufasa para todo o reino. Depois de se declarar culpado, Scar sofre um acidente e morre. Simba se torna o verdadeiro rei e se casa com sua amiga de infância, Nala.
*M.Q

PAIXõES: CANTAR E DUBLAR

O cantor e dublador João Vitor Mafra, responsável pela voz de Simba, na nova versão live-action de O Rei Leão, começou cedo na carreira artística. Com três anos já cantava. Mafra diz que gosta de diferentes estilos musicais e que seus ídolos são Ariana Grande e Bruno Mars. Para o futuro, ele planeja estudar interpretação e música, além de continuar se aperfeiçoando na dublagem e no canto. Por enquanto, o jovem de apenas 13 anos, prefere não ter que escolher entre suas paixões profissionais. "Amo os dois, não consigo viver apenas em um segmento. Amo cantar e dublar", destacou.
No tempo livre, suas atividades preferidas são cantar, jogar "Just Dance", assistir a série e filmes e ir a parques de diversões. (M.Q.)

Deixe uma resposta

Comentários