NO domingo

Jovem de 19 anos é morto em tentativa de assalto em Poá

Vítima foi surpreendida por um sujeito de camisa verde listrada, ele tentou roubar o celular e atirou em Vinícius

Vitor Gianluca*
20/01/2020 às 23:19
Atualizada em 20/01/2020 às 23:19.
Amanda Miwa

Rua onde aconteceu o assassinato de Vinícius Cieri Lima - Rua Tomé de Souza Vila Áurea Poá - FOTO: Amanda Miwa

O jovem Vinícius Cieri Lima, de 19 anos, morreu anteontem após ser baleado por um homem de camisa listrada, na rua Tomé de Souza, no bairro Vila Áurea, em Poá. As câmeras de monitoramento de uma residência filmaram a tentativa de assalto.
Segundo o pai da vítima, Maurício Soares Lima, o jovem estava guardando o veículo de trabalho e retirando o outro para ir para a casa da namorada quando foi surpreendido por um rapaz de camisa listrada verde.
Nas imagens, o suspeito para na frente do veículo de Vinícius, porém, o jovem não estava dentro do carro no momento. Então o homem andou alguns metros à frente da mesma rua, momento em que, o jovem retornou ao veículo para pegar o celular. O suspeito então retornou em direção ao rapaz e tentou roubar o aparelho.
No mesmo momento, outros dois homens também se aproximaram do local. Após o disparo da arma, os três correram em fuga para o mesmo sentido. Pelas câmeras, é possível ver a vítima levantando a camisa e olhando o local em que foi baleado, caindo no chão na sequência. A mulher que estava em outro veículo, presenciou a cena e correu para buscar ajuda.
O pai estava muito abatido no velório realizado na tarde de ontem e disse que há poucos minutos ainda estava com seu filho. "Estive com ele às 13 horas, ele foi pegar o carro, me abraçou, me deu um beijo e disse 'pai, eu te amo'. Às 15h30 estou aqui", disse, aos prantos.
No velório, Wilma Freitas Cordeiro, mãe que também perdeu o filho, tentou dar forças ao pai de Vinícius. "Eu perdi o meu filho de 22 anos com um tiro na cabeça, enquanto tirava o carro da garagem. Estou aqui para te abraçar, pois vim visitar o meu filho que perdi há três anos e acabei encontrando outra pessoa na mesma situação", disse Wilma.
O cabeleireiro e amigo do jovem, Diogo Domingos da Silva, 34, lamentou a morte. "Não temos palavras, o Vinícius não fazia mal para ninguém, sempre prestativo e companheiro. Mataram uma criança de 19 anos e destruíram uma família", afirmou.
A Polícia Civil busca os autores do crime. Qualquer informação sobre o paradeiro dos autores pode ser informada por meio dos telefones 11 4721-1221, do Setor de Homicídios de Mogi das Cruzes, ou no 181, do Disque Denúncia.
*Texto supervisionado pelo editor.
Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
[email protected]
[email protected]
[email protected]

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News