Sindicato descarta greve nas linhas Coral e Safira

Paralisação não vai atingir as estações do Alto Tietê
Paralisação não vai atingir as estações do Alto Tietê - FOTO: Daniel Carvalho
Por volta das 20 horas de ontem, o Sindicato Central do Brasil descartou a paralisação nas Linhas 11 - Coral e 12 - Safira da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que servem a região do Alto Tietê. No entanto, pode haver paralisação em algumas linhas vinculadas a outros sindicatos. 

A hipótese de greve foi descartada depois que uma assembleia, realizada no começo da noite de ontem, votou o desejo da categoria em aceitar ou não o recebimento da segunda parcela do Programa de Participação nos Resultados (PPR), proposto pela própria CPTM. A reivindicação da classe é que a CPTM teria descumprido o acordo coletivo do PPR para o exercício de 2016, pois pagou somente a metade, e deu prazo até junho para pagar a segunda parte com juros e correção.

Segundo a CPTM, o referido acordo foi feito com os quatro sindicatos que representam a categoria e a meta inicial era pagar integralmente o valor aferido do programa em março. No entanto, diante da crise econômica, a companhia "buscou a melhor solução para honrar com o compromisso".

Diz ainda a nota: "Assim, como não havia condições financeiras suficientes para efetuar o pagamento em uma única parcela, a companhia depositou 50% do valor apurado no dia 31 de março e o restante será depositado em junho, corrigido pelo índice IPC Fipe do período, sem prejuízo aos empregados".

A CPTM finalizou dizendo apelar para "o bom senso, para que a categoria não declare uma paralisação, o que irá prejudicar diretamente a população".

Deixe uma resposta

Comentários