Manutenção interrompe abastecimento

O Serviço Municipal de Águas e Esgotos (Semae) de Mogi das Cruzes realiza amanhã uma troca de válvula em sua torre de amortecimento unilateral (TAU), estrutura que integra a Estação de Captação e Recalque 2 (ECR-2), no Rio Tietê. Para isso, será necessário interromper a captação de água das 6 às 13 horas, o que afetará o abastecimento em 117 bairros (num total de 70 mil ligações). A previsão é de que o serviço seja normalizado à noite ou na madrugada de quinta-feira.

Como ocorre em todas as paralisações do abastecimento, a autarquia pede aos moradores que utilizem água de forma racional, reduzindo o tempo de banho, evitando lavar carros e quintais e combatendo o desperdício ao executar as tarefas domésticas.

Quem possui caixa d'água em casa não sentirá os efeitos da paralisação. Ter um reservatório é fundamental para evitar transtornos durante os trabalhos de manutenção da rede ou outras intervenções que exigem a interrupção do fornecimento de água, principalmente nos locais mais altos ou que trabalham por redes bombeadas, onde é necessário mais tempo para que o abastecimento seja normalizado.

A reservação de 200 litros diários para cada morador é suficiente. Assim, uma casa com cinco pessoas deve ter uma caixa com capacidade mínima de mil litros. Isso garante o abastecimento da residência por até 24 horas, mesmo sem fornecimento de água da rua.

Deixe uma resposta

Comentários