Em jogo duro, Mogi/Helbor perde em casa para o Vitória

"Não estamos preocupados um com o outro". - FOTO: Antonio Penedo/Mogi/Helbor
O Mogi das Cruzes/Helbor perdeu para o Vitória por 83 a 87 em um jogo bastante acirrado. Agora a série está empatada em 1 a 1 e o terceiro jogo será amanhã, às 14 horas, também no Ginásio Hugo Ramos, com transmissão ao vivo da Band. Com a vitória desta noite, o Vitória conseguiu forçar a quarta partida novamente em Salvador, provavelmente no dia 3 de maio. Se for necessário, o quinto jogo será no Hugo Ramos, com data a ser definida. O vencedor vai encarar o classificado entre Paulistano ou Franca (neste momento, a série deles está em 1 a 1).

Os maiores pontuadores mogianos na partida foram o ala Shamell Stallworth, cestinha do jogo ao lado de Keyron (Vitória), ambos com 24 pontos anotados, o pivô Caio Torres, com 18 convertidos, e o ala-pivô Tyrone Curnell, com 17, e o ala Jimmy Dreher, com 12.

O técnico Jorge Guerra, o Guerrinha, salientou o trabalho do time adversário, que resultou na derrota dos mogianos. "Eles fizeram 22 pontos de segunda bola, estavam mais ligados no jogo e nós não tivemos uma defesa muito eficiente", disse o treinador.

O jogo começou bastante equilibrado e terminou empatado com 17 pontos para cada lado no primeiro quarto. No segundo período, porém, o Vitória saiu na frente e fechou o primeiro tempo do jogo com vantagem: 37 a 38, com placar parcial no período de 20 a 21. No terceiro quarto, parcial de 23 a 23. Os mogianos foram para o último quarto perdendo por um ponto, mas os baianos ampliaram a diferença no decorrer no quarto e protagonizaram um final dramático para a torcida mogiana. Na parcial, 23 a 26.

Ingressos

Os ingressos para amanhã estão sendo vendidos na loja oficial do clube no ComVem Patteo Mogilar e também pelo site totalplayer.com.br/mogi.

Deixe uma resposta

Comentários