Evolução natural

"Mister Brau", Globo
"Mister Brau", Globo - FOTO: Raphael Dias/Gshow
A série que aborda as conquistas, alegrias e frustrações de um astro brasileiro, "Mister Brau" tem o dom de se reinventar. Prestes a estrear sua terceira temporada, nesta terça-feira, dia 18, a série muda o foco de novo. "O conflito entre classes e o empoderamento feminino já têm seu lugar no texto, mas Brau e Michele (Lázaro Ramos e Taís Araújo), agora terão de acertar as contas com seu passado e, ao mesmo tempo, zelar pelo conforto e felicidade de seus filhos adotivos", conta Jorge Furtado, idealizador e principal roteirista de "Mister Brau".

No final da última temporada, o casal estava em pleno processo de adoção de Carlito, Egídio e Lia, de Sérgio Rufino, Leonardo Lima e Brunna Oliveira, respectivamente. Além dos momentos de risadas, a terceira temporada também vai abordar os conflitos de se criar filhos em um país racista. "A série é uma grande festa, mas os momentos sérios são necessários. É assim que a gente se conecta com a realidade. Para superar as adversidades, os personagens vão atrás de suas origens e, a partir daí, buscam mais segurança para dar conta da criação dos filhos", ressalta Taís. Essa volta às origens será em forma de "flashbacks" e significou trabalho extra para as equipes de cenografia, caracterização e figurinos.

A nova temporada também investe alto no cenário de "Os Braus", fictício programa de tevê que mistura música, performance e entrevistas, onde os protagonistas Brau e Michele receberão convidados especiais. ("Mister Brau", Globo. Terça-feiras, 22h30) (T.P.)

Deixe uma resposta

Comentários