Patrulha Maria da Penha é modelo para Guarulhos

Equipe apresentou o projeto na semana passada
Equipe apresentou o projeto na semana passada - FOTO: Irineu Junior/Secop-Suzano
A Patrulha Maria da Penha de Suzano, que é vinculada à Guarda Civil Municipal (GCM) da Secretaria Municipal de Segurança Cidadã, está servindo como programa-modelo para a cidade de Guarulhos. O trabalho de proteção às mulheres vítimas de violência doméstica foi compartilhado pela coordenadora do programa, Rosemary Ferreira Caxito, na semana passada, com agentes da segunda cidade mais populosa do Estado de São Paulo. A parte prática da iniciativa será realizada em Suzano na próxima semana, nos dias 16 e 19.

O encontro na sede da GCM de Guarulhos apresentou o trabalho realizado pela Patrulha Maria da Penha no que tange à preservação do público feminino assistido pelo programa e à prevenção ao feminicídio. Segundo Rosemary, o conteúdo programático da aula teórica contou com a explicação do funcionamento técnico e o expediente diário da Patrulha Maria da Penha de Suzano, além de uma passagem histórica pela lei federal 11.340 - popularmente conhecida como Lei Maria da Penha -, promulgada em 2006 e que é o principal instrumento legal para coibir e punir a violência doméstica praticada contra mulheres no Brasil. Os procedimentos administrativos que devem ser adotados pelo município para a implantação do projeto também foram pautas do encontro.

De acordo com o secretário municipal da Segurança Cidadã de Suzano, Fátimo Rodrigues, a iniciativa, que existe desde outubro de 2014, já realizou o atendimento de 1.016 vítimas, contabilizando mais de 26 mil visitas, além de 23 flagrantes.

Deixe uma resposta

Comentários