Marcus Melo inicia processo de licitação para 4 novas creches

Uma das novidades é a ampliação da capacidade, de 110 para 195 alunos
Uma das novidades é a ampliação da capacidade, de 110 para 195 alunos - FOTO: Divulgação
O prefeito Marcus Melo (PSDB) assinou na manhã de ontem, na Escola de Governo e Gestão, a ordem de serviço para o início do processo licitatório para a construção de quatro creches em um novo modelo arquitetônico com foco na sustentabilidade e ampliação do atendimento. Serão construídas duas unidades em Jundiapeba, uma no Jardim Universo e uma no Mogi Moderno. O novo projeto foi apresentado para educadores e lideranças de bairro da cidade.

"Participei da construção das 65 creches que foram entregues na cidade e hoje como prefeito tenho a experiência de ter trabalho na administração municipal e pude conhecer as necessidades das creches. Temos procurado inovar e melhorar, pois todos queremos uma cidade melhor. Este novo projeto foi elaborado a quatro mãos, incluindo a participação das entidades, que são nossas parceiras na gestão das creches em nossa cidade", disse o prefeito.

As novas creches terão 895 m² de área construída e com uma capacidade maior de atendimento, passando de 110 para 195 alunos. O novo modelo arquitetônico das creches foi apresentado pelo secretário de Planejamento e Urbanismo, Claudio de Faria Rodrigues. "As creches mogianas são um referencial de qualidade pela educação oferecida e também pelo reconhecimento dos pais. Pensamos cada vez mais na evolução deste programa que já entregou 65 unidades na cidade", disse o secretário.

As duas novas creches que serão construídas nos bairros de Jundiapeba e a unidade do Mogi Moderno seguem o padrão do novo modelo arquitetônico, atendendo 195 alunos cada. Somente o prédio do Jardim Universo atenderá 137 alunos, devido à adequação ao terreno que fica ao lado da EM Profª Apparecida Ferreira Cursino. 

Sustentabilidade

O projeto conta com dez inovações na questão da sustentabilidade: energia solar (placas voltaicas), piso emborrachado reciclado, muro verde, sistema de reuso de águas pluviais, pavimento em concreto permeável, madeira plástica, área para horta, telhas metálicas termoacústicas, iluminação e ventilação natural e arborização. As novas creches serão as principais edificações verdes do município.

A sustentabilidade do novo prédio foi elogiada pelos representantes das entidades, que já administram creches na cidade. "É um ótimo projeto, um passo muito positivo para o engrandecimento da nossa cidade. A sustentabilidade é o tema da vez e tem que se pensar em tudo", avaliou José Carlos de Oliveira Cardoni, fundador da Associação Beneficente de Educação e Apoio Social Solzinho Feliz, responsável por três unidades escolares.

A secretária municipal de Educação, Juliana Guedes, destacou a importância do projeto para a aprendizagem das crianças. " É um projeto pensado de acordo com a realidade dos gestores".

O prefeito Marcus Melo ressaltou que todos os novos prédios escolares têm objetivo de atender em período integral. "Não só as creches como as escolas novas que iremos construir, todos os novos projetos têm o propósito de atender em período integral. Atendemos cerca de 50% dos alunos em período integral", disse. O vice-prefeito Juliano Abe e os vereadores Clodoaldo de Moraes e Diego de Amorim Martins representaram a Câmara Municipal no evento.

Deixe uma resposta

Comentários