Câmara homenageia Lions Clube

Câmara reconhece o trabalho do Lions Clube que completa 50 anos em Suzano
Câmara reconhece o trabalho do Lions Clube que completa 50 anos em Suzano - FOTO: Ricardo Bittner/Câmara Suzano
A Câmara de Suzano realizou na noite da última terça-feira uma sessão solene para homenagear o "Dia do Leonismo", que é uma data instituída pela Lei nº 5.033/2016, de autoria da então vereadora Abigail Maria do Carmo, atualmente diretora social do clube. A lei tem como objetivo reconhecer e valorizar o trabalho desenvolvido pela organização Lions Clube, fundada por Melvin Jones e voltada principalmente para serviços humanitários. Seus membros são associados aos clubes pelo mundo.

Na sessão, foram entregues diplomas de honra ao mérito aos associados, integrantes e parceiros do Lions Clube de Suzano que se destacaram em suas atividades durante o ano leonistico. Receberam as homenagens os casais Rodrigo Manuel Magalhães Monteiro e Maria Emília Malta Monteiro e Rodnei Camargo e Ana Rosa Monteiro Camargo. No biênio 2017/2018, o casal CL Luiz e CaL Teresa Prado, que participou do evento, está à frente do clube na cidade, que completou 50 anos.   

Além disso, o Lions também homenageou parceiros, como veículos de comunicação que auxiliam na divulgação de sua ações em prol da comunidade. Entre eles, o jornal Diário do Alto Tietê (Dat). Participaram da sessão o presidente da Câmara de Suzano, José Izaqueu Rangel (PSDB), o Zaqueu Rangel, e os vereadores José Carlos de Souza Nascimento (PTB), o Zé Pirueiro, e Lisandro Frederico (PSD).

O Lions Clube Internacional completa este ano seu centenário de fundação. Criado nos Estados Unidos em 1917, chegou ao Brasil em 1952. Em Suzano, o clube de serviços começou seus trabalhos em 1967. A primeira campanha foi a vacinação gratuita de cães contra a raiva, uma iniciativa então pioneira no município. 

Atualmente, são feitas ações sociais em pontos estratégicos de Suzano, com a oferta de serviços na área de saúde, por exemplo, o atendimento odontológico, teste de visão, teste de diabetes, aferição de pressão arterial e atualização de vacinas, além de ações de promoção da higiene pessoal, corte de cabelo e o bazar da pechincha. Ha ainda orientação jurídica, assim como para a mulher vitima de violência, ao consumidor e previdenciária.

Deixe uma resposta

Comentários