Festa das Nações integra calendário

Galvão: 'Festa pode receber recursos e incentivos'
Galvão: 'Festa pode receber recursos e incentivos' - FOTO: Mogi News
A Assembleia Legislativa aprovou o Projeto de Lei nº 72/2017, que inclui no Calendário Turístico do Estado de São Paulo a Festa das Nações de Suzano. De autoria do deputado estadual Estevam Galvão (DEM), o projeto passa a figurar como lei estadual nº 16.541, publicada no início do mês no Diário Oficial do Estado. "É uma festa tradicional na nossa cidade, reconhecida pela sua história, importância cultural e turística. Com a aprovação, a festa passa a fazer parte da programação oficial do governo do Estado, podendo receber recursos e incentivos para a sua realização, além de reconhecida relevância estadual", explicou o deputado.

Realizada anualmente pelo Rotary Club de Suzano, a festa chegou neste ano a sua 31ª edição, realizada nos dias 26 e 27 de agosto, com a presença de mais de dez mil pessoas nos dois dias de programação gratuita. "É uma atração que reúne culturas e tradições de diversos países. Representa a união dos povos e através da vasta programação de apresentações, divulga os costumes de diferentes regiões do mundo", lembrou o deputado.

Estevam lembra que o projeto de lei foi apresentado em atendimento ao pedido do presidente do Rotary na época, Cláudio Rocha. Atualmente a entidade é comandada por Alberto Karya, que também comemorou mais esta conquista para a instituição: "Toda a renda arrecadada com a festa é direcionada para a realização dos projetos sociais do Rotary e a inclusão no Calendário Turístico Estadual contribui muito para a divulgação do evento e ampliação da festa em Suzano", considerou.

Cerejeira

Através de projeto de lei de autoria do deputado, a Festa da Cerejeira de Suzano, que teve sua 32ª edição em julho, também faz parte do Calendário Turístico do Estado, e anualmente conta com apoio e estrutura do governo estadual. 

"Esta lei ajuda não só na obtenção de apoio e recursos para a realização da festa, mas também para a sua divulgação, já que passa a integrar a lista de eventos e atividades turísticas oficiais do Estado de São Paulo", reiterou Galvão.

Deixe uma resposta

Comentários