Prefeitura de Mogi inicia o projeto "Operação Verão" em dezembro

Chuva forte - Iniciativa também realiza ações preventivas para evitar transtornos com as chuvas
Chuva forte - Iniciativa também realiza ações preventivas para evitar transtornos com as chuvas - FOTO: Mogi News
Entre os dias 1° de dezembro de 2017 e 31 de março de 2018, a Prefeitura de Mogi das Cruzes realizará o projeto "Operação Verão", que consiste em monitorar os efeitos das chuvas de verão na cidade, principalmente em áreas com risco de alagamento, inundação e deslizamentos. A administração municipal está adotando as últimas medidas para a realização do programa, que também prevê ações de prevenção contra enchentes.

A Prefeitura terá prioridade em realizar o atendimento a emergências ocasionadas pelas chuvas e também em executar trabalhos preventivos para evitar transtornos causados pelas chuvas, como a manutenção dos sistemas de drenagem e das margens dos córregos e cursos de água, pois são importantes para que a água pluvial escorra. Além disso, a Prefeitura manterá programas como os Ecopontos e a Operação Cata-Tranqueira, que recolhe materiais dos córregos para evitar que contaminem os rios.

A cidade conta com seis áreas de risco de deslizamento, Vila São Paulo, Residencial Itapety, Jardim Margarida, Vila Nova União, Jardim Piatã e Jardim Aeroporto III. Quanto aos bairros que correm risco de alagamento, podemos citar o centro, Ponte Grande, Mogilar, Socorro, Mogi Moderno, Vila Estação, Jundiapeba, Brás Cubas, Cezar de Souza, Sabaúna e Vila Natal.

Para o final deste ano, haverá também o monitoramento de áreas de proteção ambiental que foram desocupadas, estão incluídos na lista os bairros Jardim Aeroporto II e III, Jardim Layr, Jardim Santos Dumont e Jundiapeba.

Ao longo do ano, a Defesa Civil em parceria com o Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE), monitora as áreas de risco e acompanha os índices pluviométricos e nível do rio Tietê, auxiliando na coleta de dados e no atendimento à população.

A ação é coordenada pela Secretaria Municipal de Segurança, por meio da Coordenadoria de Defesa Civil e também conta com a participação de outras secretarias do município, como o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar. (Texto sob supervisão do editor)

Deixe uma resposta

Comentários