Piratininga é recapeado e também tem novas calçadas

Prefeitura está revitalizando o centro comercial do bairro, melhorando os acessos
Prefeitura está revitalizando o centro comercial do bairro, melhorando os acessos - FOTO: Antônio Márcio/AI-PMI
O Parque Piratininga está ganhando novas calçadas e recapeamento num trecho da estrada da Água Chata.

A Prefeitura está revitalizando o centro comercial do bairro, melhorando os passeios e dando maior comodidade aos pedestres.

A obra está orçada em, aproximadamente, R$ 430 mil, provenientes de uma emenda parlamentar.

Itaquá também irá receber do Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento (Fumefi) R$ 17 milhões para manutenção das ruas Ferraz de Vasconcelos, Taubaté, Francisco Otaviano, João Cabral de Melo Neto, Avenida Brasil, Estrada do Campo Limpo, 30 de Outubro e Ítalo Adami.

O prefeito Mamoru Nakashima (PSDB) tem feito ao governo do Estado pedidos relacionados às reformas das estações de trem, a construção do Corredor Metropolitano, a abertura de acessos da Rodovia Ayrton Senna próximo ao pedágio e também no Caiuby, a criação de mais um acesso para o Rodoanel, o aumento do efetivo da Polícia Militar, a criação de uma Delegacia da Mulher e o recapeamento total da estrada de Santa Isabel.

"Através do bom relacionamento que temos com o governador Geraldo Alckmin (PSDB) estamos conversando sobre alguns pedidos para a cidade, mas precisamos urgentemente que o Estado dê uma solução para a estrada de Santa Isabel, se não vai fazer o Corredor Metropolitano agora, então que ela seja recapeada, o que não pode é ficar do jeito que está", disse o prefeito.

Cultura

O Museu Municipal de Itaquaquecetuba recebe desde ontem a exposição "Entre Lentes", dos fotógrafos Guilherme Ferraz e David de Oliveira. A mostra conta com 41 fotografias que  exploram paisagens e contrastes entre as figuras clicadas pelas lentes dos jovens artistas.

Suas câmeras registram a interação dos modelos com sua paisagem, articulando beleza, poesia, cor com as marcas na textura das plantas, das construções, do ambiente, enfim, são fotografias em que a figura humana interage com o ambiente.

As imagens são extraídas da realidade, mas com um toque artístico, onde ambiente e modelo fundem-se para criar uma atmosfera reflexiva e romântica. 

A exposição é aberta, até 1º de novembro, ao público de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. O museu fica na praça Padre João Álvares, 49, centro. A entrada é gratuita.

Deixe uma resposta

Comentários