Olimpíada de Robótica termina na terça-feira

Prefeito Marcus Melo vê ação como uma oportunidade para o futuro dos jovens
Prefeito Marcus Melo vê ação como uma oportunidade para o futuro dos jovens - FOTO: Ney Sarmento/PMMC
Competindo pela primeira vez em casa, a EM Fujitaro Nagao, do Cocuera, pioneira no projeto de Robótica Educacional da rede municipal de ensino, conquistou o primeiro e o segundo lugares na categoria "Seguidor de Linha (simulação de resgate)" na 1ª Olimpíada Mogiana de Robótica, organizada pela Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria de Educação. A competição continua hoje a partir das 9 horas, na sede da Secretaria de Agricultura, no centro. Junto ao evento acontece a 3ª Mostra Municipal de Robótica Educacional. Os eventos são abertos para visitação.

"A educação é de uma cidade como um todo, reunimos aqui escolas de todas as redes de Mogi das Cruzes para que todos participem. Esta é uma iniciativa para os jovens. A robótica, a orientação e a informática possibilitam que no futuro estes jovens possam procurar um emprego nessa área", disse o prefeito Marcus Melo (PSDB), durante a abertura do evento, ontem. A expectativa é que o evento seja feito novamente no próximo ano.

Além de uma nova edição, a cidade espera também receber uma etapa da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). "Temos o desejo de quem sabe no futuro próximo sediarmos uma etapa da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). Esta é uma experiência enriquecedora para os jovens. Para chegar até aqui eles tiveram que pesquisar, estudar, pensar um pouco fora da caixa. É isso que queremos, a Prefeitura tem várias responsabilidades e em tudo podemos melhorar", disse o prefeito.

Neste ano, a EM Fujitaro Nagao, pioneira no projeto, foi finalista da etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica e foi escolhida como a escola pública com melhor desempenho do Estado de São Paulo, fato que já havia acontecido há dois anos.

Deixe uma resposta

Comentários