Palmeiras demite Cuca após empate

Cuca não demonstrou firmeza se queria continuar
Cuca não demonstrou firmeza se queria continuar - FOTO: Divulgação
A segunda passagem do técnico Cuca pelo Palmeiras terminou ontem, horas depois de um indigesto empate em 2 a 2 com o Bahia, no Pacaembu - a equipe chegou a abrir 2 a 0 no placar. Para a cúpula do clube, além dos resultados irregulares e atritos com jogadores de um elenco recheado com mais de R$ 100 milhões em contratações, pesou para a saída o fato de o treinador não demonstrar a firmeza de que gostaria de ficar no cargo em 2018. O sonho da diretoria do clube é Mano Menezes, que está no final de seu contrato com o Cruzeiro, para a próxima temporada.

No ano passado, o trabalho do treinador rendeu ao clube o título do Campeonato Brasileiro ao Palmeiras, o primeiro após um jejum de 22 anos. No final de 2016, porém, alegou problemas particulares e deixou a equipe, que apostou em Eduardo Baptista. Esse trabalho também durou pouco, até maio, quando a direção acertou o retorno de Cuca.

Nestes cinco meses, ele dirigiu o time em 34 jogos, com 16 vitórias, seis empates e 14 derrotas. Cuca recebeu um elenco que custo R$ 115 milhões. As principais contratações para a temporada foram as dos atacantes Borja e Deyverson, do meio-campistas Alejandro Guerra, Bruno Henrique e Felipe Melo e dos zagueiros Juninho e Luan.

No início da tarde de ontem, o treinador conversou com a Imprensa. "Tentei ajudar a equipe e o clube sempre me doando ao máximo. Mas este máximo não foi capaz de fazer o Palmeiras ter êxito na Copa do Brasil, na Libertadores e até no Brasileiro. Acho que o Palmeiras pode muito mais", declarou em suas primeiras palavras. "Tenho certeza que os jogadores vão classificar o Palmeiras para a Libertadores. O grupo é bom", comentou.

Novo técnico

Alberto Valentim comandará o Palmeiras nos 11 jogos que restam para o término do Brasileirão. Até lá, a direção espera anunciar o novo treinador do clube. Mano Menezes é o maior desejo. O treinador, que acabou de conquistar a Copa do Brasil com o Cruzeiro, ainda não renovou contrato com o clube.

Deixe uma resposta

Comentários