Aleksandar Petrovic assume o comando da seleção de basquete

O croata Aleksandar Petrovic foi apresentado oficialmente ontem como novo treinador da seleção masculina de basquete. O técnico de 58 anos tem como principais desafios classificar o país para o Mundial da China, em 2019, e para os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. "É um prazer fazer parte da seleção brasileira, estou muito feliz e confio bastante no sucesso do trabalho", afirmou o treinador, arriscando o português. Em seguida, Petrovic optou por conceder sua primeira entrevista coletiva no cargo em espanhol, língua que fala fluentemente, além do inglês e do italiano.

"Chego aqui preparado", afirmou o croata, citando brasileiros que atuam na Europa, como Augusto Lima, Ricardo Fischer, Vitor Benite e Faverani, para exemplificar o seu conhecimento sobre o basquete mundial. "São jogadores que tenho acompanhado e com os quais quero contar na seleção", reforçou, citando ainda que estará em Franca na quinta-feira para o primeiro jogo da final do Campeonato Paulista entre o time local e o Paulistano. 

Petrovic terá pouco tempo para colocar em prática sua filosofia de trabalho. A seleção entra em quadra daqui um mês, no dia 24 de novembro, contra o Chile, fora de casa, pelas Eliminatórias para o Mundial O segundo jogo no qualificatório será três dias depois, diante da Venezuela, no Rio de Janeiro.

O croata terá ajuda dos técnicos Cesar Guidetti e Bruno Savignani, que vão formar sua comissão. Eles comandaram o Brasil na Copa América e ganharam o voto de confiança da Confederação Brasileira de Basquete (CBB) para contribuir neste momento de transição. Por causa do novo formato definido pela Federação Internacional de Basquete para definir os classificados, o croata só poderá contar com os jogadores que atuam na NBA em duas das seis janelas para disputa das Eliminatórias. (E.C.)

Deixe uma resposta

Comentários