Contracapa

Posicionamento I

O Grupo Mogi News de Comunicação publicou uma matéria na sexta-feira sobre as empresas de transporte por aplicativo serem notificadas pelas autuações recebidas pela Secretaria de Transportes que, na ocasião, somavam R$ 261 mil. A 99, uma das empresas que atuam na cidade, se posicionou sobre a situação. Ela informou que "a legislação que regulamenta o serviço apresenta pontos que inviabilizam o serviço e podem gerar impactos negativos aos milhares de motoristas e passageiros que utilizam a plataforma da 99 para seus deslocamentos diários".

Posicionamento II

A reportagem questionou a 99 se a empresa pretende pagar as multas recebidas, duas até o momento. "É importante ressaltar que a exigência excessiva de documentação para credenciamento dos motoristas gera burocracias acessórias à prefeitura no processamento desses dados. Por isso, a 99 faz parcerias com os Tribunais de Justiça e com o Denatran para checagem extensa de antecedentes criminais e de multas de carros, através do CPF do motorista e do número do Renavan do veículo", se esquivou a empresa.

Posicionamento III

Por fim, a empresa repetiu formalmente o que já havia dito em outra reportagem: "A 99 acredita em regulamentações eficientes e está sempre aberta ao diálogo com o poder público para viabilizar o serviço."

Empreendedoras

O Conselho Empresarial Feminino (Consef) da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) homenageou empreendedoras de sucesso na quinta-feira, no 18º Evento do Dia Internacional da Mulher. Com destaque para o avanço da participação feminina na liderança de empresas e geração de empregos, o evento reuniu autoridades e representantes de diferentes segmentos, no Privê do Clube de Campo.

Trabalho

"Agradeço imensamente este momento, por estar aqui representando essas mulheres incríveis e competentes. Não foi sorte, foi trabalho, foi dedicação, foi empenho", afirmou Marina Campos, no aguardado discurso da noite.

Deixe uma resposta

Comentários