O sabor do saber

Nos bastidores do processo de aprendizagem, como esse de saber conviver com o corona, há muitos ingredientes importantes que podem interferir no sabor do saber. A experiência de cada um modela os caminhos na construção do conhecimento, na relação que a pessoa possa ter com os verbos "estudar" e "aprender".

A diversidade que emerge de contextos de vida próprios, pode dar uma conotação positiva ou não a esse conceito e associá-lo à obrigação ou ao prazer. Diante de tantas informações que o mundo nos oferece, naturalmente colocamos mais atenção naquelas que por algum motivo despertam nosso interesse.

Na trajetória educativa de cada um de nós muitas aprendizagens são mecânicas porque justamente não se estabelece um vínculo verdadeiro com algum tipo de conhecimento. Aprendizagem significativa só ocorre com algo selecionado, com o qual se decide envolver.

Números, no geral, me atraem, embora não fascinantes para muita gente. Gosto também da literatura relacionada às pessoas e à vida, já a aparente e sombria objetividade do mundo numérico me leva ao desafio de decifrar a riqueza da estrutura de um poema ou tentar mensurar a estrutura de todas as equações humanas.

Acho que até mesmo os apreciadores do mundo financeiro já perceberam isso e então resolveram superar os intangíveis, para explicar o inexplicável. Mesmo que haja um abismo entre a lógica racional e insensível dos números e a subjetividade imperfeita do mundo literário.

Considero fascinante a mágica possibilidade de poder reinventar o mundo por meio da leitura e da escrita e esse sempre foi o meu impulso para a aprendizagem. Desde muito cedo, quando eu ainda nem sabia interpretar nossos códigos e suas combinações, já me encantavam os livros com suas letras que mais pareciam estrelinhas brilhantes num céu infinito.

Filosofando sobre tudo isso concluí que minha escolha foi pelo prazer. Acolhi tudo que recebi na minha trajetória escolar e hospedei em alas vips aquilo que retratava minha essência. Estudar é uma forma de admitir renovar todo dia.