Alto Tietê terá mais 221 leitos hospitalares contra a Covid-19

O Alto Tietê terá 221 leitos hospitalares nos hospitais públicos da região para combater o coronavírus (Covid-19). Suzano será o município com maior abertura de leitos, cem no total, todos serão instalados no Hospital das Clinicas. O Santa Marcelina, de Itaquaquecetuba, com 27 vagas, e os hospitais Luzia de Pinho Melo e Dr. Arnaldo Pezutti, em Mogi das Cruzes, com 94, completam a lista. A informação foi passada pelo Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat).

No caso da Clínica Médica, os novos leitos são para implantação imediata nas seguintes unidades de saúde: Hospital Santa Marcelina (5), Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo (22), Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti (60) e Hospital Auxiliar das Clínicas/HC Suzano (90).

Dos 44 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o hospital de Itaquá terá 12 vagas, mesmo número para o Luzia de Pinho Melo. Esses leitos já estão aptos para o uso.

Os outros 20 de UTI dependem de equipamentos e recursos humanos para serem ativados. Eles deverão funcionar em Itaquá e no HC Suzano, com dez vagas cada um. A expectativa é de que estes leitos estejam liberados em 30 dias.

Contando com Guarulhos, há atualmente, 834 leitos nos 21 hospitais públicos em funcionamento no do Alto Tietê. Desse total, 790 são leitos SUS, sendo 655 de Clínica Médica e 135 de UTI.

Com o novo investimento, a capacidade de leitos SUS será ampliada em 35,1% (de 790 passará para 1.068).

Coronavírus

Até o final da tarde de ontem o Alto Tietê registrava 80 pessoas com a doença, sendo oito em Arujá e Ferraz de Vasconcelos; um em Biritiba Mirim e Santa Isabel; 16 em Itaquá; 36 em Mogi e nove em Suzano. Durante essa semana houve a confirmação de cinco mortes, duas em Suzano e Mogi e uma em Arujá. Há outros 23 óbitos sendo investigados.

 

DEPUTADO DIZ QUE SUZANO é ESTRATéGICO

O governo do Estado confirmou que abrirá o Hospital das Clínicas de Suzano para atender pacientes diagnosticados com coronavírus (Covid-19). A determinação, publicada na edição de ontem do Diário Oficial, atende solicitação feita na semana passada pelo deputado estadual André do Prado (PL). Esse pedido foi feito em 21 de março pelo prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PL), em nome Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê do (Condemat). Agora, a unidade será equipada e contará com equipes completas para tratar pacientes infectados na região.

"Em relação aos outros municípios do Alto Tietê, o de Suzano está, do ponto de vista geográfico, estrategicamente localizado. Aumentando a capacidade do sistema público de saúde nesta cidade, ampliaremos a capacidade de atender com celeridade toda a região", afirmou o parlamentar, que é membro da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa.

Deixe uma resposta

Comentários