Apesar da restrição, ruas seguem movimentadas

O comércio de Mogi das Cruzes continua fechado devido à pandemia do coronavírus (Covid-19) no Alto Tietê, no entanto, a cidade segue registrando concentrações nas agências bancárias. Durante a manhã e a tarde de ontem, as agências localizadas na região centro de Mogi, receberam centenas de pessoas, que não estão respeitando as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Prefeitura e Estado para impedir a propagação do vírus.

Os motoristas perceberam o trânsito e a movimentação durante o trajeto. Rodando pelas ruas da cidade, também foi possível constatar que pessoas continuavam saindo de casa, mesmo com diversas lojas fechadas.

Além dos bancos, o movimento chama a atenção nas lotéricas e também nos Correios, que estão servindo como unidades de regularização de CPF para pessoas que estão com dificuldade em sacar ou de se cadastrar no auxílio emergencial de R$ 600, do governo federal.

Mesmo tendo alguns mogianos não respeitando a recomendação, o governo do Estado registrou no domingo passado, que 64% dos moradores estão respeitando o isolamento social (leia na página 3). O número pode ser considerado alto, comparado aos outros municípios de São Paulo, e servem como base para estudar novas medidas em prol do combate ao coronavírus.

Contra este tipo de comportamento, a Prefeitura de Mogi apontou que está reforçando a necessidade do isolamento social como a forma mais eficiente para combater a Covid-19, pedindo para que os moradores, se possível, fiquem em casa.

*Texto supervisionado pelo editor.